O tubista alcobacense é presença regular em eventos no CCC

”Duo Adamastor” é o título do novo álbum do tubista alcobacense Sérgio Carolino, que formou um duo com o pianista Cândido Fernandes. O novo trabalho – que conta com temas originais de vários compositores nacionais e internacionais – contou com a participação de outros músicos, como Fernando Ribeiro, o vocalista dos Moonspell

Sérgio Carolino tem um novo álbum designado “Duo Adamastor”, no qual o alcobacense formou um duo com o pianista Cândido Fernandes.
“Este é um disco muito especial…”, assumiu o tubista à Gazeta das Caldas, acrescentando que o trabalho reúne várias obras que o próprio músico encomendou a vários compositores nacionais e internacionais.
Trata-se, pois, de música original, escrita e dedicada ao tubista alcobacense e que é da autoria de Eurico Carrapatoso, Luís Cardoso, Daniel Schvetz (Argentina) e de Howie Smith (EUA).
Há também uma composição dedicada ao músico que é da autoria do músico e compositor Alexandre Delgado, que é também natural de Alcobaça.

Aliar a tuba ao piano

Este é o primeiro projecto onde o tubista – que pertence à Orquestra Sinfónica da Casa da Música – cruza as sonoridades deste instrumento de sopro com as do piano. “Duo Adamastor” conta com a participação especial de Fernando Ribeiro, o vocalista dos Moonspell que vive em Alcobaça e participa neste álbum fazendo a narração e récita de versos dos Lusíadas, de Camões. Neste trabalho há mais convidados como por exemplo o saxofonista Mário Marques, assim como a de Ângela Carneiro, Susana Monteiro e Sara Abreu que compõem o trio de violoncelos.
A nova obra musical tem também uma edição especial em vinil e que se destina, maioritariamente, a coleccionadores.

Apresentação no Gravíssimo

“Duo Adamastor” irá ter uma apresentação ao público que deverá “ter lugar no próximo mês de Setembro”, disse o músico que gostaria de assinalar a apresentação deste disco com o público. Este ainda será dado a conhecer nalguns locais como, por exemplo, em formato de recital e vai fazer parte das plataformas do Festival Internacional de Metais Graves, Gravíssimo.
Por causa da pandemia a iniciativa cancelou a vertente de Academia, ou seja, não se vão realizar os habituais workshops e masterclasses. No entanto, a direcção do evento pretende que a programação do restante festival se mantenha mesmo que seja necessário recorrer a um novo formato. Esta iniciativa está prevista para se realizar entre os dias 24 e 28 de Agosto, com a direção artística dos músicos Sérgio Carolino (tuba) e Hugo Assunção (trombone).
Igualmente prevista está uma apresentação de “Duo Adamastor” no Algarve e que, segundo o tubista, vai ter lugar no próximo mês de Novembro.

Masterclasses no estrangeiro

Sérgio Carolino já gravou mais de 40 álbuns e, neste momento, retomou os concertos e a formação a que se dedica, sobretudo em várias universidades estrangeiras. O tubista vai também realizar de masterclasses em universidades de vários estados norte-americanos desde o Indiana, Cincinnati e do Tennessee. Vai em breve começar a leccionar numa nova universidade de Madrid que se dedica às artes e à música. “Já recomecei as minhas actuações”, contou o músico, que ,de forma lenta, já está neste momento com três a quatro actuações por semana. Este artista – que é apoiado pela Yamaha – tem participado em concertos em vários eventos e festivais de jazz que tiveram lugar em localidades como Guarda, Ponte de Lima, S. Pedro de Moel, Alcobaça ou Coimbra.