O artista alcobacense, formado na ESAD, foi um dos participantes desta iniciativa

Thierry Ferreira foi um dos escultores oestinos que participou na Residência Artística de Escultura em Pedra 2020, que teve lugar entre os dias 6 e 19 de Julho nos jardins da Villa Portela, em Leiria. Do grupo que participou nesta primeira edição está também o caldense Vítor Reis, assim como Abílio Febra, Filipe Curado e Mário Lopes. O artista criou uma obra onde estão presentes “linhas direitas ligadas ao mundo construído e uma outra área, mais orgânica relacionada com a natureza”, contou o autor. O artista apreciou o facto de integrar este evento, onde foi possível assistir ao trabalho dos escultores, nos jardins da Villa Portela. Thierry Ferreira lamenta que tenha cessado o Simpósio de Escultura das Caldas da Rainha “que é conhecido em todo o mundo”. Na sua opinião, o evento poderia ser repensado e até ganhar novos contornos mas não deveria acabar, até porque o Simpetra “é dos eventos de escultura mais antigos de Portugal”.