CCC reclama de falta de apoio da DGArtes

0
277

A DGArtes não aprovou a candidatura de apoio à programação do CCC- no valor de 200 mil euros por ano, por quatro anos – e a direção vai reclamar da decisão e apresentar queixa ao ministro da Cultura. A candidatura do CCC,como a dos equipamentos da Figueira da Foz e Covilhã, “foi pronunciada para não aprovação, por causa de uma declaração não estar conforme”, disse o diretor Mário Branquinho. Em sede de audiência de interessados, o CCC apresentou nova declaração com correção, “mas não foi aceite, assim como não foi obtida resposta a outros esclarecimentos apresentados, suficientes para que a candidatura tivesse no mínimo 60%, os necessários para ser aprovada”, acrescentou. O montante financeiro deste concurso, “contempla verba suficiente para a candidatura caldense, bem como para mais duas candidaturas”. Com a reclamação e o recurso ao ministro da Cultura, o CCC espera ver a decisão revertida para poder apoiar companhias e projetos locais. ■