Designer de moda caldense radicado em Inglaterra desenha linha de sapatos

0
2038
Pedro Batim encontra-se a viver em Inglaterra há perto de cinco anos. As suas criações estiveram em desfiles em Londres, em Leicester e em Birmingham | DR

O designer de moda Pedro Batim, que vive há cinco anos em Inglaterra, tem dado continuidade ao trabalho na moda. O caldense acabou de criar uma linha de calçado desenhada por ele e que é produzida em Itália

Pedro Batim criou uma nova linha de calçado. Há quatro modelos disponíveis com o design totalmente da responsabilidade do caldense.
O criativo vive em Inglaterra há perto de cinco anos e participa assiduamente em eventos de moda como o Leicester Fashion Week, Birmingham fashion Awards, London Fashion Week.
“Neste momento está tudo em stand by, dadas as circunstâncias pandémicas”, lamentou o designer à Gazeta das Caldas, acrescentando que o próximo desfile onde vai participar está previsto para 2021 em Londres.

Criativo quer sapatos com forte identidade e que dêem prazer a quem os usa

Foi num dos evento de moda que o designer de moda teve conhecimento da plataforma que produz o seu calçado em Itália e o distribui mundialmente.
“Na minha situação é o ideal porque a produção é exclusiva e limitada. Não pretendo produzir grandes coleções nem grandes quantidades”, disse o criador sobre “eXquisite by Pedro Batim”, que inclui um par de sapatos de homem, um par de sapatilhas e dois elegantes modelos para senhora, com saltos altos. A coleção é uma edição limitada e está disponível online.
Para os mais práticos, diz que se inspirou nas cores dos jogos de criança e adolescente que “voltam à memória” e nos livros de histórias coloridos da sua infância. Acrescentou também que “a cor e a emoção que ela desperta foi o motor desta coleção”, que surgiu também pela necessidade de ter “sapatos exclusivos para as minhas coleções de roupa”.
Pedro Batim quer “desenhar sapatos com uma identidade forte, que reflitam o prazer de os criar e deem prazer a quem os usa. São esses os principais objetivos”.
A viver em Inglaterra há pouco mais de cinco anos, o criador conta que a mudança “nem sempre fácil quando temos referências, amigos e familiares longe”.
Quando se mudou para o Reino Unido, o caldense não tinha intenção de continuar na moda. Só que os seus projetos são afinal a sua “paixão”. Por isso fez alguns contatos para ter acesso a eventos de moda, sobretudo para ver como funcionavam naquele país. “Quando me dei conta estava em cartaz para apresentar coleção num dos eventos de moda!”, recordou explicando que, na primeira iniciativa, apresentou uma pequena coleção. No fim do desfile, um proprietário de um armazém mostrou interesse na coleção. Queria saber quantidades e preços para negociar só que Batim “só tinha protótipos”.
Além do mais, começou a ter contatos de outros países para vender a marca e participar em eventos moda. “Tive de parar para repensar tudo”, contou, prometendo que em breve haverá novidades relativas à sua marca.

Um vestido que é uma das criações da autoria do designer de moda das Caldas da Rainha | DR
Dois dos quatro modelos da coleção “eXquisite” Pedro Batim” | DR