Eduardo Ferreira expõe no English Centre

0
849
Notícias das Caldas
O pintor Eduardo Ferreira e o responsável da escola de línguas, Carlos Ribeiro | D.R.

A escola de línguas The English Centre tem patente nas suas instalações das Caldas da Rainha, desde o passado dia 1 de Junho, uma exposição de quadros do pintor penichense Eduardo Ferreira. Esta é a 11ª edição da iniciativa Artz, que alia a arte à educação.
A exposição prolonga-se até 30 de Junho e é composta por perto de 50 pinturas a óleo e aguarela. São retratos, paisagens e naturezas mortas pintadas em realismo e em impressionismo. Neste último estilo, o artista usa a técnica de pintura à espátula.
Nesta exposição cabem algumas pinturas que Eduardo Ferreira expõe em galerias, mas também um conjunto de quadros da sua colecção pessoal que estão a ser apresentados ao público pela primeira vez.

Eduardo Ferreira falou em particular de um quadro intitulado “A Sem Abrigo”. Deu cinco euros a uma senhora para lhe tirar uma fotografia, chegou a casa e fez a pintura, em aguarela, toda de uma vez. “Não almocei nem jantei nesse dia para terminar o quadro”, contou. Leva-o sempre que faz uma exposição e diz que já declinou ofertas irrecusáveis. Não o vende pela história a que está associado. “Numa exposição em Óbidos uma pessoa contou-me que conhecia a sem-abrigo que eu tinha pintado, e que esta era doutorada e que tinha ficado assim devido ao álcool. Fiquei contente por descobrir que ela estava em recuperação”, concluiu.
A mostra tem também um propósito educativo. Os alunos vão conhecer e analisar as obras e discuti-las em inglês em contexto de aula. “Para muitos alunos é um primeiro contacto com as artes plásticas e é aqui que nos afirmamos como escola de língua e como educadores”, sustenta Carlos Ribeiro, director do English Centre. J.R.