Folio foi apresentado em Buenos Aires

0
242

Festival Literário obidense foi dado a conhecer do outro lado do Atlântico

Responsáveis do município de Óbidos estiveram na Feira do Livro de Buenos Aires, a promover o FOLIO – Festival Literário Internacional evento que, este ano, regressa em outubro sob o tema “Inquietação”.
Segundo nota de imprensa, a participação do município neste certame – considerado um dos eventos culturais mais importantes do mundo – surgiu através da Câmara Municipal de Lisboa, a convidada de honra desta edição, que decorreu até 13 de maio. Na ocasião, Margarida Reis, vereadora da Cultura, partilhou com o presidente da autarquia de Braga, Ricardo Rio, e com o seu homólogo na autarquia de Lisboa, Diogo Moura, um dos painéis de debate constantes da programação, e que discutiu a importância dos festivais literários no desenvolvimento das estratégias culturais e económicas das cidades. Todos foram unânimes em considerar que os festivais literários em Portugal são instrumentos fundamentais na dinamização do livro e da leitura, incutindo características distintivas de marketing territorial nos municípios. Consideraram ainda que a identificação e projeção do território assenta na afirmação da Cultura e na exploração das narrativas locais.
“Para além de uma maior afirmação e representação da língua portuguesa nas capitais ibero-americanas, este intercâmbio”permitiu internacionalizar a nossa Cultura, e apresentar o Folio como um evento importante no desenvolvimento da estratégia cultural, turística e económica para Óbidos, vila literária reconhecida pela UNESCO desde 2015”, salienta Margarida Reis. E permitiu destacar a forma como o festival consegue criar projetos integrados para os territórios, dar-lhes projeção internacional e estabelecer parcerias. Desde a sua primeira edição, em 2015, que o Folio integra escritores latino-americanos, nas várias linhas programáticas do evento”. A edição 2024 do Folio vai assinalar os 50 anos do 25 de Abril e os 500 anos do nascimento de Luís de Camões.■