Obra pública de Ferreira da Silva na passagem desnivelada é inaugurada hoje

0
605
A intervenção tem base no mito de Orfeu e Euridice e foi concretizada em seis meses

A intervenção artística na passagem desnivelada do largo da Vacuum, da autoria de Ferreira da Silva, vai ser inaugurada hoje, sexta-feira, 24 de Dezembro, pelas 12h00. Este projecto de arte pública ocupa cerca de mil metros quadrados e consiste na decoração das paredes daquela passagem subterrânea com azulejaria e elementos cerâmicos que dão corpo ao tema “Orfeu e Euridice”.
A obra durou seis meses e resultou numa composição bastante colorida, já que entre os elementos de barro o artista usa uma massa de enchimento com pigmentos que dá uma base bastante alegre à obra.
É a trabalhar ao vivo que Ferreira da Silva se sente bem. “Não suporto museus, acho que são sarcófagos, prefiro mil vezes realizar arte pública”, disse o artista, que possui uma longa carreira em várias áreas, mas sobretudo ligada à cerâmica.
O autor está muito satisfeito com o resultado final e já pronto para enfrentar novo desafios, mais uma vez em espaço ao ar livre, pois as obras em locais de passagem permitem que as pessoas “as vejam e nelas tropecem”.
A obra é da Câmara Municipal, as peças foram produzidas na Molde e a intervenção faz parte do acordo celebrado entre Ferreira da Silva e a Câmara das Caldas para a criação de um conjunto de peças para o município.

N.N.