Bernardo Carvalho garante vitória tardia

0
672
2016-05-06 Primeira.inddMUNICIPAL DA QUINTA DA BONECA, CALDAS DA RAINHA ÁRBITRO: ANDRÉ NUNES, ASSISTENTES: GONÇALO TOMÁS E NUNO FARINHA, AF CASTELO BRANCO
CALDAS  2
EDGAR LOPES; JOÃO SILVÉRIO, IVO SIMÕES (C), RUI SANTOS (TOMÁS SEIXAS, 82’) E PEDRO CREIO (DIOGO SANTOS, 80’); MANUEL NETO, TIAGO MARTINS (MARTIM CAMEJO, 71’) E FRANCISCO BATISTA; BERNARDO SILVA, RUBEN ARAÚJO E BERNARDO CARVALHO SUPLENTE: HENRIQUE SILVA TREINADOR: BRUNO MATIAS
1º DEZEMBRO 1
TOMÁS; ROSADO, EMERSON, ANDRÉ E HEITOR; VIEIRA, MARK E FÁBIO; FRANCISCO (SÉRGIO 61’), EDGAR (GUI 79’) E ROBSON SUPLENTES: GONÇALO, TREINADOR: RICARDO CRISTA AO INTERVALO: 0-1 MARCADORES: EMERSON (18’) E BERNARDO CARVALHO (89’ E 90’+6) DISCIPLINA: AMARELO A JOÃO SILVÉRIO (20’), ROBSON (21’), ROSADO (87’), RUBEN ARAÚJO (90’+1) E BERNARDO SILVA (90’+4). VERMELHO DIRECTO A FRANCISCO BATISTA (90’+4)
Os juniores do Caldas venceram o 1º Dezembro pela primeira vez em quatro jogos nesta época. Um bis de Bernardo Carvalho, aos 89’ e 90’+6, separado pela expulsão de Francisco Batista, garantiu o triunfo. Foi um final muito emotivo na Quinta da Boneca após 88 minutos em que o Caldas teve dificuldades chegar à fase de conclusão das jogadas. Foi, de resto, um jogo de poucas oportunidades de parte a parte. A equipa de São Pedro de Sintra chegou ao golo num lance fortuito, ao minuto 18. Um canto com uma série de ressaltos que permitiu ao lateral Emerson fazer golo. Na resposta o Caldas podia ter marcado da mesma forma, mas a bola acabou por morrer nas mãos do guarda-redes. O Caldas teve ainda um outro lance de perigo na primeira parte, um bom lance colectivo com Francisco Batista, Bernardo Carvalho e João Silvério, mas novamente sem golo. Na segunda parte o Caldas foi fazendo os possíveis para inverter o rumo do jogo, num ritmo que se foi intensificando nos cinco minutos finais. O empate surgiu ao minuto 89, num livre junto à linha lateral que entrou directo. Depois de o Caldas ficar reduzido a 10, já em tempo de compensação, o empate parecia certo, mas num contra-ataque rapidíssimo Bernardo Carvalho deu a vitória aos pelicanos. J.R.