Ciclismo: António Morgado é vice-campeão do mundo

0
1

António Morgado sagrou-se na madrugada desta sexta-feira vice-campeão do mundo de ciclismo de fundo, na categoria de juniores, tornando-se o primeiro português medalhado nesta competição, que tem lugar desde 1975.

O jovem de Salir do Porto foi o grande animador do dia, lançando, a partir da terceira de oito voltas ao circuito de Wollongong, na Austrália, uma série de ataque que foram eliminando concorrência, como ponto de referência o monte Pleasant, o ponto mais duro do circuito.

A cerca de 18km da meta, António Morgado lançou o ataque final e isolou-se na frente para construir uma vantagem que chegou próximo dos 30 segundos. Atrás, foi o alemão Emil Herzog, medalha de bronze no contrarrelógio e apontado como um dos principais favoritos à vitória, a sair na perseguição ao caldense, acabando por fechar o espaço a apenas 3km da meta. Os dois seguiram na frente sozinhos para discutir ao sprint o título de campeão do mundo. António Morgado foi o primeiro a lançar o sprint e chegou a ter a dianteira, mas Herzog aguentou e acabou por cortar a meta à frente por menos de uma bicicleta.

Os dois ciclistas, que vão ser companheiros de equipa no próximo ano na Axeon, chegou com 55 segundos de vantagem para o grupo perseguidor.