Natação: Pimpões organizaram prova e arrecadaram cinco medalhas

0
631
Alguns dos nadadores dos Pimpões na prova caldense

Jonatas Gaspar e André Fialho garantiram cinco pódios para os caldenses. João Tarquino, do Benedita Natação, sagrou-se campeão nacional

As Piscinas Municipais das Caldas da Rainha receberam um total de 933 atletas, em representação de 92 clubes, que de sexta a domingo disputaram o Campeonato Nacional e o Open de Portugal Master de Inverno. O balanço da prova, organizada pelos Pimpões, foi positivo, e a nível competitivo também, com a conquista de cinco pódios nacionais.
Os Pimpões estiveram representados em prova com a sua equipa de Masters, com um total de 24 nadadores, nomeadamente Caio Amim, João Ângelo, Lúcio Brito, Daniel Carvalho, Inês Faria, Francisco Ferraz, Ana Sofia Ferreira, Carla Ferreira, Miguel Ferreira, Paulo Ferreira, André Fialho, Jonatas Gaspar, Rui Isabel, Gonçalo Lemos, Rita Moiteiro, António Moura, Luís Oliveira, Pedro Pinheiro, Tiago Ribeiro, André Rocha, Rui Sá, Luís Silva, Jorge Varela e João Vieira.
Ao nível dos resultados, foram conquistados cinco pódios nacionais e 13 novos recordes do clube.
Jonatas Gaspar subiu quatro vezes ao pódio, com os títulos de vice-campeão nacional nos 50m Bruços e 100m Estilos, alcançou ainda o 3º lugar por duas vezes, nos 50m Livres e nos 50m Mariposa no Escalão C, batendo 4 recordes do clube.
O outro pódio dos caldenses foi para André Fialho, que foi 3º na prova dos 200m Costas no Escalão D. De destacar, ainda, os recordes do clube batidos por Ana Sofia Ferreira (2) no Escalão A, de Paulo Ferreira no Escalão G, de Rita Moiteiro no Escalão F, de André Rocha no escalão E, e de João Vieira no Escalão B.
Coletivamente, os Pimpões registaram o 35º lugar da geral coletiva, com a equipa masculina a classificar-se no 18º lugar e a feminina, com apenas quatro atletas, obteve a 62ª posição.
Carla Ferreira, que além de ser treinadora dos Pimpões, foi uma das dinamizadoras da vinda dos campeonatos para as Caldas da Rainha, faz um balanço positivo da prova. “Correu muito bem, felizmente não tivemos problemas e as pessoas regressaram contentes a casa”, sintetizou.
Organizar uma prova com 933 atletas não é fácil. “Obrigou-nos a muito trabalho, muita organização, e todo o pessoal dos Pimpões envolvido”, sustenta. Carla Ferreira destaca o trabalho realizado para manter o espaço limpo, “fomos elogiados nesse aspeto, o que não era fácil”, disse, acrescentando que também foram disponibilizadas refeições no bar. “Quisemos dar as melhores condições possíveis aos participantes”, realça.
Ao nível dos resultados, “foram os possíveis” para o conjunto de 24 nadadores, muito deles que fizeram as suas provas “a correr”, porque também estavam a dar apoio à organização.
Carla Ferreira destaca o ambiente que se viveu nas Piscinas Municipais. “O tempo ajudou, colocámos mesas no exterior, tivemos atletas deitados em toalhas a apanhar sol”, disse Carla Ferreira, que agradeceu à Câmara o apoio e à Federação Portuguesa de Natação a confiança para a organização da prova que para o ano irá regressar às Caldas, se possível com recorde de atletas. “Gostaríamos de chegar aos mil participantes, o que seria recorde, temos uma das melhores piscinas de 25 metros a nível nacional, acreditamos que é possível”, garante.
Também da região, destaque para o título nacional conquistado por João Tarquino, do Benedita Natação, nos 200m Costas e ainda medalha de prata nos 100m Costas e bronze nos 50m Costas. Do mesmo clube, Carolina Matos obteve três títulos de vice-campeã nacional nos 50m Bruços, 100m Bruços e 100m Livres. Ricardo Ferreira, Vânia Leão e Jair Santos obtiveram novos máximos pessoais. ■