Oeste Lusitano atraiu milhares ao Parque D. Carlos I

0
431

notícias das CaldasO Parque D. Carlos I nas Caldas da Rainha recebeu no passado fim-de-semana a segunda edição do Oeste Lusitano – Feira Regional do Cavalo Lusitano do Oeste. Apesar do espaço mais reduzido em relação ao ano passado, o evento teve lugar numa zona mais central do parque e com melhores condições para a apresentação, atraindo àquele espaço milhares de visitantes no conjunto dos três dias.

Jorge Magalhães, presidente da direcção da Associação de Criadores de Puro Sangue Lusitano do Oeste (ACPSLO) disse à Gazeta das Caldas ter ficado um pouco assustado no início em relação ao espaço colocado à disposição da Feira, mas a nova localização acabou por resultar bastante bem.
O senão foi a redução do espaço de exposição, o que retirou mais pequenos criadores do certame, o que numa terceira edição obrigará ao alargamento do espaço para as boxes.
No entanto, a mudança era imprescindível para aumentar a qualidade da Feira. “Não podíamos continuar na zona do parque de merendas porque o espaço para o picadeiro era muito limitado”, aponta Jorge Magalhães.
O aumento do espaço do picadeiro permitiu não só melhorar as condições para as apresentações dos cavalos, como trazer competição à feira ao nível da equitação de trabalho e modelos de andamento.

Mais informação em Gazeta das Caldas impressa