Sp. Caldas homenageou atletas e antigas glórias

0
680
A homenagem às equipas de basquetebol, voleibol e ténis de mesa que representaram o clube no pós-25 de Abril foi um dos momentos altos da noite

Segunda gala do clube decorreu no CCC, lembrou o passado e lançou a nova época

O grande auditório do CCC foi no passado dia 21 de setembro o palco da segunda edição da Gala do Sporting Clube das Caldas, com a qual o clube homenageou os atletas do presente e um conjunto de pessoas que contribuíram para construir o seu passado glorioso.
Este ano o tema da gala foi o pós-25 de Abril, que marcou um período de grande dinamismo do clube nas modalidades de ténis de mesa, basquetebol e voleibol. “O clube estava estagnado, mas após o 25 de Abril houve uma confluência de pessoas que regressavam das ex-colónias, que trouxeram movimento e investimento a determinadas modalidades, fixando pessoas naturais e outras que vinham de fora”, referiu Nelson Ribeiro, apresentador da gala. Esses movimentos trouxeram um grande dinamismo e união ao clube, num período marcado por grandes dirigentes, treinadores e atletas, cujo trabalho foi reconhecido com medalhas de mérito.
João Margarido, um dos homenageados na modalidade do voleibol, lembrou o papel importante que Leonel Cardoso, “um caldense que esteve sempre disponível para todos os projetos”, teve nesse início da modalidade, como treinador da equipa masculina e feminina. O antigo atleta e dirigente do clube salientou também João Feio, “na altura um dos mais internacionais por Portugal”, que deixou de jogar no Benfica para treinar a equipa masculina caldense. João Margarido lembrou que a equipa subiu da 3ª Divisão regional de Lisboa e da 3ª Divisão nacional às respetivas primeiras divisões, e terminou destacando o já malogrado Vítor Bernardo, “que foi quem iniciou o voleibol, a sua modalidade preferida, nas Caldas”. Durante 12 temporadas “foi o grande líder e grande alma do voleibol do Sp. Caldas”, lembrou.

A equipa de juvenis de voleibol recebeu o prémio especial pelo 7º lugar no campeonato nacional da época passada

Se hoje o voleibol é a modalidade bandeira do clube, no passado o ténis de mesa ocupou esse lugar, com o Sp. Caldas a disputar a 1ª Divisão e a realizar, durante muitos anos, aquele que foi “o maior e o melhor torneio de ténis de mesa do país”, recordou Fernando Xavier, um dos responsáveis pela modalidade nos seus tempos áureos. O antigo dirigente lembrou que a modalidade até começou nos Pimpões, “numa sala pequenina no Bairro da Ponte”, para depois crescer de forma significativa. “Jogámos a 1ª Divisão nacional com êxito e fomos o primeiro clube a trazer para Portugal um treinador chinês, Cai Yan Dong”. Fernando Xavier recordou, ainda, que os atletas estavam envolvidos por gosto à modalidade e ao projeto do clube, dando como exemplo Jaime Santos, um dos atletas homenageados, “que vinha da Figueira da Foz a expensas dele para jogar connosco”.
Também homenageados foram os atletas que iniciaram o basquetebol no clube naquela época. António Dias e Delfim Azevedo destacaram o papel de Carlos Alves no desenvolvimento da modalidade.
A atribuição das medalhas de mérito foi um dos momentos altos da gala, mas não o único. A cerimónia começou com a atribuição dos prémios de melhor atleta e melhor companheiro a todos os escalões do voleibol do clube e também do jiu-jitsu. Ainda em relação ao desempenho da época desportiva anterior, foi entregue um prémio especial à equipa de juvenis masculinos, que se apurou para a Final 8 do campeonato nacional, que concluiu no sétimo lugar.

Os elementos que vão compor as equipas seniores masculina e feminina na nova época

Foram, ainda, atribuídas medalhas de mérito a pessoas e instituições pela colaboração e parceria com o clube, nomeadamente os voluntários que garantiram a atividade do restaurante do clube nas tasquinhas, ao treinador e jogador de voleibol Guilherme Eugénio, ao Casa Pia AC e ao Colégio O Brinquinho pelo envolvimento no projeto do hóquei em campo no clube, à Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste e ao Centro de Educação Especial Rainha D. Leonor, pela colaboração com o clube, ao patrocinador de há várias temporadas Luna Hotels & Resorts, à Eco4Hd pelo auxílio na aquisição de um aparelho lança bolas para treino, a Nelson Ribeiro, pelo trabalho na comunicação do clube, e ainda a João Santos, figura importante na reativação do basquetebol no Sp. Caldas na época passada, que já conta com 70 atletas e 9 equipas prontas para entrar em competição.
A gala, que contou com a animação da banda Dia de Folga, terminou com a apresentação das equipas seniores masculina e feminina que vão representar o clube nas competições esta época. ■