GNR investiga descarga no rio Baça

0
678
Descarga foi feita diretamente para curso de água | DR

O Núcleo de Proteção Ambiental de Caldas da Rainha da GNR detetou, na semana passada, uma descarga ilegal de um efluente pecuário proveniente de uma exploração suinícola para uma linha de água, afluente do Rio Baça, na localidade de Casal da Pequena, no concelho de Alcobaça.
Após a denúncia de uma rejeição de efluentes pecuários para uma linha de água, os militares “detetaram uma descarga diretamente para o curso de água através de um tubo ligado a uma lagoa de depuração”, explicou a GNR, em comunicado.
Na sequência de algumas diligências na zona, foi identificado o ponto de origem da descarga, o que resultou na elaboração de um auto de contraordenação por descarga de efluente pecuário diretamente para a linha de água sem a devida autorização da entidade competente, neste caso a Administração da Região Hidrográfica de Lisboa e Vale do Tejo. Aquele crime é punível com um coima no valor máximo de 144 mil euros.