O regadio

0
74

Sara Velez
deputada do PS

 

Começo mais um ciclo desta colaboração com a Gazeta das Caldas, neste novo espaço dedicado à nossa atividade política enquanto deputados, e ao qual se junta, muito justamente, o colega Ricardo Vicente, do BE, igualmente eleito por Leiria. E trago-vos um tema de natureza regional, mas com implicações diretas no concelho: a agricultura e o regadio.
A agricultura tem uma importância capital nas nossas vidas e, muito particularmente, na região. Isso tem sido, aliás, bem visível na crise pandémica, uma vez que este setor nunca parou, garantindo-nos a alimentação indispensável às nossas vidas. Uma boa capacidade de regadio é determinante para a agricultura.
Os deputados do PS eleitos por Leiria têm acompanhado com preocupação duas situações na região, cuja solução importa concretizar. A primeira, em Alvorninha, é antiga, cujo principal problema se prende com a impermeabilização da cortina daquela barragem e que, inexplicavelmente, tanto tem demorado a resolver. A outra, na barragem do Arnoia, construída há 15 anos, cujo enchimento por completo nunca foi possível, por necessidade de uma intervenção que permita o fecho das comportas do descarregador de superfície.
Nos contactos com o Ministério da Agricultura, fomos informados que, relativamente à barragem de Alvorninha os procedimentos para a empreitada orçamentada num milhão de euros, serão lançados em março. Sobre a barragem do Arnoia, fomos informados que a execução da obra já foi autorizada, estando para breve também o início e com ele a resolução deste problema.
Não deixaremos de acompanhar com proximidade os desenvolvimentos associados a este tema. ■