Obras adiadas em Alfeizerão

0
426

Existe um certa descrença na população de Alfeizerão, relativamente a várias obras, que vão sendo, continuamente, adiadas. Nós ouvimos, por vezes, a voz dos cidadãos, que se traduz num rol de queixas em relação a problemas que os preocupam e cuja solução não aparece tão rapidamente como seria desejável. Como é óbvio, a maioria desses trabalhos são da responsabilidade da Câmara de Alcobaça porque a Junta de Freguesia não pode resolver essas questões.
Porém há quem comente que encolher os ombros e conformarmo-nos com as situações não será a melhor política. Os vogais “Independentes”, que estão na Assembleia de Freguesia e o próprio público têm lembrado a presidente, Natividade Marques, nas reuniões daquele órgão, das várias obras que tardam em realizar-se.
Relativamente ao Centro Escolar, a autarca anunciou recentemente que o projecto tem de estar pronto até ao final deste ano, a fim de se dar início às candidaturas para que a obra possa avançar. Contudo, é curioso que em Abril passado, data em que se assinalou seis meses do actual executivo, foi referido que os Centros Escolares de Pataias, Turquel e Alfeizerão tinham já os respectivos concursos aprovados. Afinal o tempo veio dizer que a afirmação do presidente da Câmara, Paulo Inácio, não era segura, designadamente quanto ao Centro de Alfeizerão.
No que toca à colocação das lombas na estrada Casal da Ponte-Alfeizerão, a autarca disse que este trabalho está pedido há bastante tempo e assegura que tem insistido junto da Câmara no sentido de efectuarem a obra.
Como é do conhecimento da Junta, a rua do Relêgo também necessita de lombas pois basta chover para ocorrerem acidentes. Para estes dois locais algo tem de ser feito para limitar a velocidade dos condutores. O povo espera que não hajam mais atrasos. Por agora apresentamos estas questões, mas, infelizmente, há mais.

T. Antunes