Adolescência: preocupações no feminino

0
172
Dora Ferreira médica Interna de MGF USF Bordalo Pinheiro

Quando uma pré-adolescente inicia a puberdade (cerca dos 10-11 anos), o aparecimento de alterações físicas características desta etapa do desenvolvimento pode suscitar dúvidas, legítimas, quer nas adolescentes, quer nos seus pais.
Estas alterações são variáveis, mas o surgimento do botão mamário é habitualmente um dos primeiros sinais de que esta etapa está em curso. Este pode ser unilateral ou bilateral e ter um crescimento contínuo ou parar de crescer durante algum tempo e depois retomar o seu crescimento.Outros sinais de puberdade são o aparecimento de um corrimento vaginal esbranquiçado e a mudança de aspeto dos genitais externos. Em qualquer dos casos são processos fisiológicos, normais, que resultam das alterações hormonais desta fase.
Cerca de 2-3 anos após o início da puberdade surge a primeira menstruação e com ela mais algumas dúvidas: regularidade dos ciclos, duração e quantidade do fluxo. Também aqui existe uma grande variação individual, desde ciclos regulares ao fim de alguns meses, à manutenção da irregularidade por mais algum tempo. A este propósito é importante encorajar a responsabilização das adolescentes pela “autovigilância” do ciclo menstrual (existem até apps para o efeito) por forma a poderem tomar decisões informadas e assertivas, designadamente no que respeita à escolha de um método anticoncecional.
Na abordagem destes temas é fundamental o recurso a fontes de informação credíveis: o seu médico de família saberá aconselhar e esclarecer num ambiente de conforto e confidencialidade. ■