Bombarral: Milhares visitam Festival do Vinho e Feira da Pera Rocha

0
242
A inauguração do certame contou com a presença de diversas individualidades

Mata Municipal do Bombarral recebeu evento e vários governantes

Dois anos depois de uma paragem forçada devido à pandemia, o 37º Festival do Vinho Português e a 27ª Feira Nacional da Pera Rocha regressaram à Mata Municipal do Bombarral, numa organização do município e com a parceria da Associação Nacional dos Produtores de Pera Rocha. E com a presença pouco habitual de uma dupla de governantes na sessão inaugural: Maria do Céu Antunes, ministra da Agricultura e da Alimentação, e Carlos Miguel, secretário de Estado da Administração Local e Ordenamento do Território.
O evento decorreu num momento crítico para a agricultura devido à seca severa que grassa no país, a par dos aumentos dos fatores de produção provocados pela guerra na Ucrânia, que estão a provocar uma instabilidade e ansiedade nos empresários agrícolas.
Na inauguração, o presidente da Câmara do Bombarral disse olhar “com expetativa para os desafios que o setor agroalimentar enfrenta” e isso mesmo foi transmitido à ministra pelos expositores no decorrer do breve périplo que a governante fez pelo recinto do certame. Em resposta a Ricardo Fernandes, Maria do Céu Antunes procurou transmitir serenidade e um conjunto de medidas com apoios públicos que, garante, irão ajudar a fruticultura e a vitivinicultura, que neste mês e no próximo terão as respetivas colheitas. “Estes setores têm muito em comum porque têm um nível de organização de excelência e são dos mais exportam”, elogiou.
Com a presença de 66 expositores, 24 dos quais ligados à comercialização de vinho e à viticultura, e 8 produtores e comerciantes de pera rocha, a organização do evento estimou a presença de “25 mil a 35 mil visitantes”.
O já tradicional Concurso de Vinhos Engarrafados realizado pelo Festival do Vinho contou 46 néctares de 13 produtores participantes no certame, tendo avaliados por dez provadores, ao longo de dois dias, na Escola Básica e Secundária Fernão do Pó. Destaca-se, pela primeira vez, a vitória de um vinho rosado: ‘Solar da Marquesa – Rosado 2021’, da Casa Agrícola Horácio Nicolau (Adão Lobo, Cadaval) foi o grande vencedor na categoria ‘Regionais de Lisboa Leves’. Aliás, os vinhos produzidos nos concelhos do Cadaval e Bombarral foram os mais premiados no concurso, que é usado por muitos visitantes como ‘guia do consumidor’, esgotando-se muito rapidamente os vinhos galardoados nos ‘stands’ dos respetivos produtores.
Para além da componente gastronómica oferecida pelos restaurantes, tasquinhas e carrinhas de ‘street food’ participantes no evento, os espetáculos foram igualmente importantes na atração de visitantes. A organização optou por trazer este ano a cantora Ana Bacalhau, Os Azeitonas, André Sardet, Plutónio, David Antunes e Banda Xeques Orquestra, a par de vários grupos de música tradicional portuguesa. A festa ‘Wine and Pear Party’ voltou igualmente a integrar o programa. ■