Caldas esteve na rota da AEG

0
421
A ação da marca passou pelas Caldas

Ação da marca passou pelas Caldas, onde visitou a Praça da Fruta e a Fábrica Bordallo Pinheiro na Zona Industrial

A AEG passou pelas Caldas da Rainha. Na cidade termal, a marca abasteceu-se de produtos locais na Praça da Fruta, durante a manhã de dia 17 de maio, seguindo, da parte da tarde, para a Fábrica da Bordallo Pinheiro na Zona Industrial, onde recriou uma receita típica.
Desta ação fazem parte a atriz, autora de livros de gastronomia e blogger em “Trashédia”, Joana Barrios, e a nutricionista Ana Pinto. O intuito da iniciativa é o de partilhar a gastronomia de algumas regiões portuguesas, adaptando receitas tradicionais numa lógica de “alimentação saudável e sustentável”, explicou Ângela Pereira, marketing manager do grupo Eletrolux, da qual a AEG faz parte.
O projeto envolve ainda o abastecimento junto dos produtores locais, para que os alimentos usados sejam “frescos e biológicos”.
A iniciativa insere-se na política de sustentabilidade da marca, que recentemente lançou a gama EcoLine, cujos fornos são utilizados na ação. A linha de produtos pretende reduzir o desperdício energético aquando da utilização dos equipamentos pelo consumidor.
O projeto visa igualmente a educação do consumidor em termos de uma dieta mais saudável e, ainda assim, agradável ao paladar, ambos promovidos pelo cozinhar a vapor que é proporcionado pela linha de produtos.
Entre os benefícios deste modo de confeção dos alimentos estão a “conservação das vitaminas e dos nutrientes, quer seja cozinhando a solvido ou a 100% vapor”, em que se “conserva 90% da vitamina C”, explicou a marketing manager. Em termos ambientais, o vapor “permite reduzir 20% do consumo de energia comparativamente a outros produtos”. E através do programa Regenerar a Vapor do forno da gama EcoLine é possível “aquecer as sobras de ontem e a comida vai ter um sabor como se tivesse sido acabada de fazer”, evitando o desperdício alimentar, explicou Ângela Pereira.
A paragem pelas Caldas pretendeu conhecer produtos e produtores locais que farão parte do projeto da AEG, tendo a Fábrica Bordallo Pinheiro, famosa pelas louças alusivas a vegetais, fauna e flora, utilizadas no projeto, sido também eleita como palco da iniciativa pelo facto do seu produto se alinhar com o princípio de sustentabilidade da ação.
A passagem da AEG pela região será partilhada com o público na primeira quinzena de junho, Também Joana Barrios e Ana Pinto partilharão mais detalhes nas suas redes sociais.
A ação, que prevê outras cidades de norte a sul de Portugal, está prevista para junho. ■