Câmara das Caldas preocupada com encerramento das maternidades

0
133

A Câmara das Caldas mostrou hoje “preocupação e pesar” relativamente ao “encerramento sistemático dos serviços de Urgência de Ginecologia e Obstetrícia de Bloco de Partos no Hospital desta cidade”.

A autarquia realça que “este encerramento regular representa um perigo para a saúde e mesmo para a vida de parturientes e seus filhos, e uma falha no dever de assistência às populações do concelho e da região”.

Em comunicado, a Câmara realça que já disponibilizaram “apoio financeiro à reabilitação da maternidade no valor de 725 mil euros, assim complementando os meios do Estado Central a quem cabe a resolução do problema, mas desejaria poder contar com uma resposta desse mesmo Estado Central na resolução célere deste grave problema”.