Encontrado homem que fugiu de lar de idosos em Óbidos

0
558
O automóvel apreendido no âmbito da investigação por tráfico de droga na Nazaré

Um homem de 83 anos que padece de Alzheimer desapareceu de um lar de idosos em Óbidos na noite de 11 de Abril, mas a GNR acabou por conseguir localizá-lo às 10h30 do dia seguinte quando uma condutora que circulava na A8 se apercebeu de uma pessoa com uma perna presa na vedação. Alertado o 112, confirmou-se que era o idoso que havia desaparecido. Estava, segundo a GNR, desorientado e apresentava ferimentos na perna.
Antes, a 10 de Abril, a PSP realizou uma operação policial na Nazaré no âmbito de um inquérito por tráfico de droga. Foram detidos quatro homens e uma mulher com idades entre os 25 e os 35 anos. Nas buscas domiciliárias foram apreendidas 35 doses de cocaína, 15 doses de haxixe, 60 euros em dinheiro, uma moca de madeira com parafusos e arame farpado, uma faca de cozinha, quatro navalhas, uma soqueira, várias munições e cartuxos, nove telemóveis, duas máquinas fotográfias, dois tablets, duas televisões, uma pen, um cartão de memória, um cutelo, dois sabres, dois coldres de pistola, duas saquetas de Redrate, sacos para embalamento e um automóvel.
No mesmo dia em Vale Maceira, foi detido um homem de 35 anos por ter matrículas falsas no carro, incorrendo no crime de falsificação de documentos.
Os militares abordaram o indivíduo junto a um veículo e apuraram que tinha matrículas que não correspondiam. No interior da viatura acabaram por encontrar as chapas de matrícula correctas. Além disso, o número de identificação do veículo no chassi tinha sido adulterado. O homem foi detido e sujeito a termo de identidade e residência.

Detido por incêndio no Coto

A 12 de Abril a GNR deteve um homem de 28 anos por um incêndio florestal no Coto. Os militares apuraram que o incêndio teve início na realização de uma queima de sobrantes e que o suspeito perdeu o controlo das chamas que se propagaram a uma área de mato.
O homem ficou sujeito a termo de identidade e residência.
Já antes, a 8 de Abril, a mesma força militar deteve em Pataias um homem de 25 anos por ser suspeito de furto num café. O homem terá aproveitado uma distração do proprietário para subtrair 20 euros da máquina registadora.
O indivíduo que foi identificado já em casa, tinha antecedentes criminais pelo mesmo tipo de crime e ficou sujeito a termo de identidade e residência, tendo os 20 euros sido restituídos ao legítimo proprietário.
Na Nazaré, a 15 de Abril, foi detido um homem de 68 anos porque tinha uma moca com pregos no banco traseiro da sua viatura. I. V.