Escola de Alcobaça selecionada para a final do projeto GERAt

0
516
Alunos apresentaram o projeto “Alcobaça, um destino lendário”

Projeto de turma do 9º ano venceu a etapa regional e habilita-se a prémio de 10 mil euros

“Alcobaça, um destino lendário”, da autoria da turma 9º C, da Escola Básica 2° e 3° Ciclos Frei Estêvão Martins de Alcobaça (Agrupamento de Escolas de Cister), foi o projeto selecionado para a final nacional do GERAt. Está habilitada a um prémio monetário de 10 mil euros, atribuído pelo Turismo de Portugal, para a implementação do projeto, no contexto da promoção da inovação escolar e desenvolvimento regional sustentável.
Após uma visita a alguns dos locais referidos em lendas e um levantamento do material existente, os alunos escreveram o livro “Lendas por trás de Alcobaça” e fizeram um mapa digital de lendas do concelho, que permite localizar a freguesia e, ao clicar num botão virtual, ter acesso à lenda existente nesse local. Foi também feita uma exposição virtual de lendas e estabelecida uma parceria com o município de Alcobaça, que possibilita aos turistas terem acesso a um QR Code com a exposição virtual, o mapa digital de lendas e o livro “Lendas por trás de Alcobaça”, em formato digital. “A partir daqui, é possível criar uma campanha publicitária envolvente e persuasiva que destaque Alcobaça como destino lendário e inspire os viajantes a explorá-lo”, refere ainda a sinopse do projeto vencedor.
Este ano letivo, a região Oeste, contou com a participação de seis escolas, de um total de 60 a nível nacional. Na etapa de progressão regional, realizada a 7 de maio no CCC, estiveram presentes os agrupamentos de escolas D. João II com o projeto “Aromas e Infusões do Rei (D. João II)”, Fernando Casimiro Pereira da Silva com o projeto “ExploraRio” e da Josefa de Óbidos com o “Escape Game Educativo – A herança de Josefa”. Participaram também os agrupamentos de escolas Rafael Bordalo Pinheiro com o projeto “Cardume no Ar”e Raul Proença com “Tecer abril – à descoberta do 16 de março de 1974”.
O Projeto GERAt resulta de uma parceria entre o Turismo de Portugal e a Direção- Geral da Educação. O projeto-piloto decorreu o ano passado com 12 escolas a nível nacional. Na região, a Escola Raul Proença desenvolveu o projeto biscoitos “Bordalecos”, em parceria com a Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste. ■