Estores são elementos cada vez mais decorativos

0
2014
Gazeta das Caldas - estores
Os estores são casa vez mais comuns numa casa. Nas decorações mais modernas também são incluídos nas decorações dos espaços |DR

Estores brancos de alumínio? Sim, continuam a ser os mais vistos nos edifícios, mas são de longe a opção mais decorativa. Existem hoje outras soluções para “vestir as janelas” – como estores de rolo, laminados e verticais – que podem conjugados com a decoração dos espaços, integrando-a. Também o estore de fita já foi ultrapassado pelo estore automático, que pode não só ser controlado por interruptores como por smartphones.

“Penso que o futuro passa pela integração cada vez maior dos estores no interior de uma casa. Estamos habituados a vê-los do lado de fora, mas as novas construções, principalmente as mais modernas, procuram inclui-los na decoração dos espaços”, conta Adérito Sousa, um dos responsáveis da empresa Estores Alcoa (Alcobaça). Há inclusivamente certos edifícios, que pela sua fachada antiga, não permitem a colocação das convencionais tiras brancas de alumínio.
No interior de uma casa, as opções dividem-se entre os estores de rolo – o modelo “screen” cuja transparência permite a quem está dentro de casa ver o que se passa no exterior, mas não o inverso, ou o modelo “blackout”, que à semelhança de um estore de ripas, elimina totalmente a claridade – os estores de imitação de madeira, os estores laminados (horizontais) e os verticais. Os inconvenientes destes estores é que são, na sua maioria, menos resistentes que os de alumínio, menos protectores do frio e nem sempre eliminam a luz por completo (o que pode afectar a privacidade das casas). Por outro lado, são mais fáceis de limpar, podem substituir cortinados e assumem um papel decorativo.
“Há muita gente que não gosta de estores de alumínio, que teve já vários problemas com avarias ou que não gosta de ter as caixas dos estores dentro de casa, porque ainda há construções assim. Para essas pessoas, os estores de rolo são uma excelente opção”, frisa Adérito Sousa.
As cores de estores mais populares são o branco, o cinza natural e o cinza escuro, mas também há opções mais arrojadas, como o bordeaux, o preto, o vermelho, o verde escuro e a cor imitação de madeira.

ABRIR ESTORES COM O SMARTPHONE

As casas tendem a ser cada vez mais inteligentes e os estores são um dos elementos que tem acompanhado este progresso. Já há algum tempo que a fita foi ultrapassada por tecnologias que permitem monitorizar o funcionamento dos estores. O interruptor eléctrico na parede é a solução mais comum, mas há outras  opções mais avançadas que podem ser controladas até fora de casa.
A domótica é uma tecnologia que permite a gestão de todo o tipo de aparelhos em habitações e empresas, como fechaduras, portões, grades, iluminação e electrodomésticos, incluindo estores/persianas. Este controlo pode ser feito através de comandos, do smartphone ou por voz. Imagine-se então a programar as horas a que deseja que se abram os estores de sua casa, quais as divisões em que os quer abertos e até que altura. Tudo isto sem o esforço de puxar a fita do estore.
A domótica é outra das tendências nas novas construções, embora esta seja uma tecnologia muito mais cara do que a colocação do estore convencional. Tem ainda a desvantagem que se falta a electricidade, os equipamentos podem deixar de funcionar pois fica interrompido o seu controlo.