Expoeste torna-se o maior restaurante da região e espera 200 mil pessoas

0
854
Expoeste Restaurante

Um evento com um custo mais baixo, mas com uma melhoria da qualidade. Será assim a edição deste ano da Expotur – Festa de Verão, que decorre  de 6 a 15 de Agosto e transforma a Expoeste no maior restaurante da região. A Câmara das Caldas estima que, à semelhança dos anos anteriores, o certame seja visitado por cerca de 200 mil pessoas, muitos deles emigrantes que se encontram de férias no seu pais de origem.
No ano em que o Benfica se sagrou campeão a Casa do Benfica das Caldas estreia-se com uma tasquinha na Expoeste. E não deixa os créditos em mãos alheias, com um “bife à campeão” a encimar o cardápio, que conta também com um sugestivo “bacalhau Vitória”, “Lombo com castanhas à Eusébio” e uma “Açorda de marisco da Catedral”.
Juntamente com a Casa do Benfica vão estar mais 21 tasquinhas, dinamizadas pelas colectividades e juntas de freguesia caldenses. Pelo recinto estarão também dispostos 74 stands, apesar da procura ter sido muito maior. “Tivemos cerca de 160 pedidos, o que mostra que há uma vontade grande de estar presentes”, disse o vereador do turismo, Hugo Oliveira, na passada quinta-feira, na apresentação pública do certame deste ano.
O autarca referiu ainda que a Expotur é um dos momentos altos da animação de verão caldense, que “mostra aquilo que melhor se faz no concelho, desde a gastronomia à música”.
Para esta edição estão previstas algumas inovações. Uma delas será “de estilo” e consiste na utilização, por parte dos trabalhadores, de aventais iguais com a marca da Expotur. Foram feitos 500 exemplares, que pretendem transmitir uma marca de uniformidade, que será depois combinada com os trajes de cada organismo participante.
Também a avaliação das tasquinhas será diferente este ano. Além da pontuação atribuída à decoração de cada uma, será também premiada a higiene e segurança alimentar através de uma empresa especializada, e a avaliação da confecção dos produtos regionais por elementos do pólo caldense da Escola de Turismo do Oeste.
A animação será assegurada pelos grupos locais de música popular e cantores da região. Decorrerá também o festival internacional de folclore, onde marcarão presença ranchos do México, Geórgia, Argélia e Bulgária, além dos portugueses.
Durante o certame será ainda feita a entrega dos prémios alegóricos que desfilaram no carnaval caldense.
A organização estima que este ano passem pelo certame cerca de 200 mil pessoas, à semelhança do que tem acontecido nos anos anteriores. Para Hugo Oliveira, o facto das entradas serem livres é um incentivo à adesão das pessoas, numa altura de crise. Também as colectividades se adaptaram a esta realidade, fazendo pratos mais económicos.
A Câmara das Caldas vai gastar 86,8 mil euros com esta edição, menos 20% que o ano passado, mas garantem que esta diminuição no orçamento não é proporcional à qualidade do evento.
Hugo Oliveira destacou também o voluntarismo de quem trabalha nas tasquinhas pois muitos dos voluntários tiram férias durante este período para poder ajudar as suas colectividades.
Numa manobra de charme, o vereador vai durante esta semana entregar nos hotéis uma carta de recepção dos turistas. “Tenho muito gosto que o turista que chega às Caldas possa ter uma mensagem a recebê-lo e a explicar-lhe a animação que há, juntamente com a oferta cultural e patrimonial”, refere o autarca, destacando que a Expotur é um certame bastante importante em termos de atracção turística.

Programa da animação

Dia 6 | sexta-feira
18h00 – Abertura Oficial do Certame
18h15 – Animação musical pela BANDINHA DE St° ONOFRE.
18h30 – Visita às Exposições e Tasquinhas com a presença das Entidades Oficiais e convidados
21h30 – Entrega dos Prémios do Carnaval 2010 Caldas da Rainha
22h00 – Festival Internacional de Folclore com dois dos mais conceituados Ranchos internacionais, em representação do México e da Geórgia

Dia 7 | sábado
21h30 – Rancho Folclórico e Etnográfico “Os Azeitoneiros”
22h30 – Actuação “Gingado Novo”

Dia 8 | domingo
21h30 – Rancho Folclórico e Etnográfico do Guisado
22h30 – Actuação “ Bombocas”

Dia 9 | segunda-feira
21h30 – Rancho Folclórico “Alegria da Nossa Terra”  (Ass. das Trabalhias)
22h00 – Danças de Salão dos Casais da Serra
22h30 – Actuação “Tiago Ribeiro”

Dia 10 | terça-feira
21h30 – Rancho Folclórico Esperança na Juventude (Nadadouro) e Rancho Danças do Arnóia ( A-dos-Francos )
22h30 – Actuação “Sabrina”

Dia 11 | quarta-feira – Dia do Emigrante
12h30 – Recepção e Credenciação dos Emigrantes Caldenses
13h00 – Almoço do Emigrante (Animação e Baile Popular com Jaime Ferreira)
21h30 – Rancho Folclórico os “Oleiros” (Associação Arneirense)
22h30 – Actuação “Rebeca”

Dia 12 | quinta-feira
21h00 – Rancho Folclórico e Etnográfico “As Ceifeiras da Fanadia” (Fanadia -S. Gregório)
22h00 – “Pilha Galinhas”, Música Popular Portuguesa
23h30 –   Grupo Musical Caldense “Os Terabytes”
Dia 13 | sexta-feira
21h30 – II Festival Internacional de Folclore com representações da Europa e de África.
Ranchos Folclóricos representativos da Argélia, Bulgária e Portugal com o Rancho Folclórico “Vale Choupinho” (Relvas – Stª Catarina)
22h30 – Actuação de vários artistas da “Chuva de Estrelas Expotur 2010”

Dia 14 | sábado
21h30 – Desfile da Marcha Infantil da ARECO (Coto)
22h00 – Noite de Dança com a actuação do Grupo de Dança Super Flash (Ass. Arneirense)
23h00 – Actuação “Zé Praia”

Dia 15 | domingo
21h30 – Reviver o Fado com o grupo “São Portugal”
22h30 – Entrega dos troféus “A Melhor Tasquinha 2010” -* novos critérios
23h00 – Bombos de St Onofre
23h30 – Cerimónia de Encerramento da Expotur – Festa de Verão 2010