GNR recupera 335 quilos de pinhas roubadas

0
321

A GNR de Óbidos recuperou na última semana cerca de 335 quilos de pinhas roubadas na Quinta de Santa Rufina, no Arelho.
A primeira apreensão ocorreu durante uma fiscalização de trânsito, no dia 10 de Dezembro, na qual a Guarda apanhou duas mulheres (de 16 e 34 anos) e um homem (21 anos) que tinham acabado de furtar 101 quilos de pinhas.
No dia 13 de Dezembro, três homens com 17, 19 e 50 anos, foram detidos perto do mesmo local com 334 quilos de pinhas.
O furto de pinhas, para a produção de pinhões, tem sido notícia nas últimas semanas. Segundo o Jornal de Notícias, a GNR de Santarém montou uma operação naquele distrito e durante um mês apreendeu mais de 50 toneladas de pinhas mansas.
Cada quilo deste produto pode ser vendido por cerca de 70 cêntimos, o que significa que 335 quilos de pinhas valem 234,50 euros. O presidente da Associação de Produtores Florestais de Coruche, António Gonçalves Ferreira, adiantou ao JN que “15 a 20 por cento da produção de pinhas é furtada”.
Um homem de 36 anos que alegadamente furtou uma mota em Alcobaça, cerca do meio-dia de 13 de Dezembro, foi detido ao princípio da madrugada do dia seguinte nas Caldas da Rainha. A PSP apanhou o ladrão durante uma acção de patrulhamento quando este se encontrava na posse da mota.
Um veículo, avaliado em 15 mil euros pelo proprietário, foi roubado a 10 de Dezembro e recuperado na noite seguinte pela PSP das Caldas. Depois da peritagem técnica efectuada pela polícia, a viatura foi entregue ao proprietário.
Uma casa foi assaltada no Nadadouro no dia 7 de Dezembro. No mesmo dia assaltaram um veículo no Baleal. No dia seguinte assaltaram uma casa em Alfeizerão e no dia 9 outra na Foz do Arelho.
Quatro veículos foram assaltados junto a praias no concelho de Peniche, a 11 de Dezembro. No Bombarral furtaram um computador portátil de um estabelecimento comercial.
Uma mulher de 32 anos foi detida no dia 7 pela GNR de Óbidos por conduzir um veículo, embora tivesse a carta de condução apreendida. No dia seguinte a GNR deteve no Bairro da Senhora da Luz, um jovem de 22 anos por conduzir sem carta. Uma jovem de 18 anos foi detida no dia 9 por conduzir com 1,77 gr/l. No dia 10, no Cintrão, um homem de 25 anos foi preso pela GNR por condução ilegal.
A GNR do Bombarral deteve ainda dois homens, de 44 e 59 anos, respectivamente por condução ilegal e excesso de álcool (1,40 gr/l). No dia 12 de Dezembro foi detida uma mulher de 27 anos por conduzir sem carta.
De 7 a 12 de Dezembro a GNR das Caldas registou na área do seu destacamento territorial um total de 29 acidentes, dos quais resultaram um morto (despiste de mota no Bárrio) e oito feridos ligeiros.
No dia 11 um condutor com 25 anos foi detido pela PSP das Caldas com uma taxa de alcoolémia de 1,56 gr/l. Um homem de 59 anos foi detido pela PSP, durante a madrugada de 12 de Dezembro, na Nazaré, por conduzir com 1,77 gr/l.
Nos dias 7 e 8 de Dezembro os bombeiros voluntários acorreram a dois incêndios em casas, na Foz do Arelho e nas Caldas. De 6 a 10 de Dezembro os soldados da paz actuaram em sete casos de inundações nas Caldas, Tornada, Casais de São Jacinto e Campo, para além da queda de uma árvore em Salir de Matos.

Pedro Antunes
[email protected]