Mais de 1500 presépios para ver no Convento de S. Miguel nas Gaeiras

0
842

FD-ConventoSMiguelMais de 1500 presépios, da autoria de 177 artesãos de todo o país, vão estar expostos, entre 5 de Dezembro e 6 de Janeiro de 2016, no Convento de S. Miguel, nas Gaeiras. A 9ª Grande Exposição de Presépios será a maior realizada até ao momento, com bastantes artistas, sobretudo do Oeste, a mostrar intenção junto da Junta de Freguesia em expor os seus trabalhos, disse o presidente, Luís do Coito, à Gazeta das Caldas.
Entre as novidades desta edição estão a exposição de um grande presépio em movimento, construído por um septuagenário da freguesia (António Vieira de Sousa), assim como o convite à população para fazer presépios nas janelas, jardins e muros das suas casas. “O objectivo é que as pessoas depois nos digam onde está o seu presépio tradicional para nós criarmos um roteiro que permita a visita durante esta época natalícia”, explicou o autarca.
No Convento de S. Miguel serão este ano utilizadas mais três salas, onde estarão as obras em cerâmica, bolotas, madeira, ferro, casca de ovo, tecidos, joalharia, entre outros, feitas pelos artesãos de todos o país. Alguns dos exemplares têm um tamanho fora do comum, nomeadamente os presépios feitos em pedra e ferro.
Entre as entidades que vão estar representadas com obras, encontram-se o Cencal, a Associação Bordados de Óbidos, a Gave-Grupo de Artistas Vale de Eureka (Almada) e o Centro Especial Rainha D. Leonor das Caldas da Rainha.
A Grande Exposição de Presépios, integrada no Óbidos Vila Natal, será inaugurada no próximo dia 5 de Dezembro, pelas 15h00, com a actuação do coro da Paróquia de Nossa Senhora da Ajuda, e decorrerá até ao dia 6 de Janeiro de 2016. Poderá ser visitada diariamente das 14h30 às 18h00 (dias úteis) e das 14h30 às 19h00 (sábados, domingos e feriados).
A entrada é livre.

Um presépio animado

Um presépio animado volta a estar exposto no nº 15 da Rua de Santo António, nas Gaeiras, a partir do próximo dia 5 de Dezembro à tarde. A sua inauguração está prevista para as 17h00.
Com entradas livres, poderá ser visitado das 14h00 às 19h00, nos dias úteis, e das 14h00 às 20h00, nos fins-de-semana e feriados.
A autoria é de Ricardo Roque, que desde pequeno gosta de fazer o presépio e acalentava o sonho de o fazer em grandes dimensões.