Seniores trouxeram danças ao palco do CCC

0
272
Um dos grupos de seniores caldenses que trouxe danças do mundo ao palco do centro cultural caldense

Idosos de várias IPSS’s do concelho das Caldas prepararam coreografias para uma festa dedicada à dança

A festa das Danças do Mundo Lusófono, que teve lugar a 8 de maio, no CCC contou com a participação de mais de 500 seniores caldenses que estão nas instituições de solidariedade social (IPSS) das Caldas da Rainha.
Cada grupo de bailarinos subiu ao palco do grande auditório do CCC e apresentou danças, típicas do mundo lusófono.
Houve pauliteiros de Miranda, bailinho da Madeira, sem esquecer a kizomba, a capoeira, a chula e o malhão.
Além dos almoços e da celebração das festas populares “quisemos fazer algo que acrescentasse valor”, disse a vereadora Conceição Henriques, que deu a sugestão de realizar um evento e tentaram recuperar uma atividade temática que trouxesse os idosos ao palco sugeriu o tema das Danças do Mundo Lusófono. “Tivémos um ótimo feedback das instituições que logo começaram a preparar as suas coreografias”, referiu a autarca, acrescentando que pediram a entidades como a RiSa Dance School e a Escola Vocacional de Dança que colaboraram, assim como alguns músicos profissionais que “aportaram ainda mais valor à festa”, disse a autarca. Em conjunto tornaram uma apresentação agradável que também “contou com um grande trabalho das animadoras na preparação das coreografias”.
Ao todo, participaram 13 IPSS’s e pela primeira vez esteve também a Universidade Sénior.
Pelo palco passaram 250 idosos e no total vieram 550 pessoas das várias instituições e, por isso, não foi possível abrir as portas do CCC à comunidade.
Vera Ferreira, a diretora técnica da Casa do Povo de A dos Francos, acrescentou que esta iniciativa foi pensada pois “pretendemos dignificar o envelhecimento e a terceira idade”.
Para alguns esta é a primeira vez que vêm conhecer o CCC e outros têm pedido que haja atividades culturais diferenciadas para a sua faixa etária. Segundo Conceição Henriques “temos que ir ao encontro das vontades desse público e estar num palco como este é dar-lhes uma grande alegria”.
A iniciativa, que teve a apresentação de José Ramalho, ator e diretor técnico do CCC, foi organizada pelo Grupo Concelhio de Apoio à Pessoa Idosa, constituído pelo município, IPSS e juntas de freguesia do concelho das Caldas. ■