Alcobaça é o concelho com mais PME Excelência

0
48

Empresas do concelho são também as que mais faturam entre as distinguidas pelo IAPMEI

Alcobaça é dos concelhos do Oeste em que a economia mais fervilha, com diversos pólos empresariais no seu território, cada um com características próprias. Também ao nível das PME Excelência 2021, Alcobaça é o concelho que mais sobressai de entre os 12 concelhos da região, tanto ao nível do número de empresas, como do volume de negócios.
Alcobaça tem 33 empresas na lista de PME Excelência 2021, mais quatro do que na edição anterior. É também o concelho com a maior fatia do volume de negócios das PME Excelência da região, com 114,4 milhões de euros, quase um quarto do total.
De resto, a ordem nos sete primeiros concelhos mantém-se a mesma em relação à edição anterior do programa. Torres Vedras é o segundo concelho mais representado, com 19 empresas, também mais quatro do que tinha na edição anterior. Os dois concelhos distanciaram-se dos restantes, apenas Lourinhã teve igual aumento do número de empresas na lista, o que permitiu reforçar o sexto lugar.
Caldas da Rainha fecha o pódio com 14 empresas, mais duas do que na edição 2020 das PME Excelência.
Seguem Alenquer e Peniche, com o mesmo número de empresas, mas com uma grande diferença ao nível do volume de negócios.
Apesar de ser apenas o quarto concelho em número de empresas, Alenquer é o segundo em volume de negócios entre as empresas da lista, e aquele com média mais elevada de volume de negócios por empresa (7,5 milhões de euros), por larga margem. Neste particular, apenas o Cadaval se aproxima (6 milhões de euros por empresa). A média na região é de 3,6 milhões por empresa.
É ainda de notar que apenas Sobral de Monte Agraço viu o número de empresas diminuir da edição 2020 para a edição 2021, enquanto o Cadaval manteve as 3 empresas que tinha. ■