O Yoga é saúde e bem estar!

0
949

Estarmos alegres e produzir contentamento, leva-nos a Ananda (constante felicidade), Segundo Patañjali (Médico hindu e Grande Mestre do Yoga do Séc. II, que estruturou o Yoga na Sua obra YOGA-SUTRA) e esta é a condição que todos os seres humanos procuram. É o seu motor da vida: a procura constante da felicidade.

Quando estimulamos em nós a alegria, produzimos um contágio natural com a produção de serotonina (neurotransmissor que estabelece ligações entre neurónios através de impulsos nervosos e químicos). Assim, mesmo que não estejamos predispostos para estar alegres e contentes devemos contrariar a nossa expressão levando o nosso corpo a produzir as endorfinas que nos abrem o mundo do bem-estar ao encontro da felicidade.
O Yoga é complexo e vasto como o ser humano atua e pretende desvendar todo o mistério da criação, compreender a vida que existe em cada ser vivo e o sentido de plenitude e perfeição que a vida encerra em si mesma. Desvendar o Super ser de luz e de amor que habita em cada um de nós, sendo essa uma das portas para encontrar a felicidade individual.
O Yoga é a oferta do grandioso banquete do Cosmos e o praticante do Yoga é aquele que não pretende alimentar-se apenas de migalhas. Ele adquire um espanto constante devido a beleza que a natureza encerra e que ele tem o privilégio de observar.
O percurso é produzir Samtocha (Contentamento), observando uma constante alegria, sendo o bem-estar obtido refletido interiormente e (no contagiante) exterior.
Experimentar entender como a ciência e a filosofia caminham de mãos dadas a desvendar o Conhecimento e a Sabedoria, tendo vindo a ciência constantemente a confirmar o que os grandes Mestres do Yoga transmitem á humanidade.

Pedro Capinha
Diretor do Áshrama de Leiria do Centro do Yoga, Presidente do Centro do Yoga Sámkhya; Associação; Áshrama de Caldas da Rainha, (CYSA)