The English Centre celebra três décadas na Benedita

0
18

A escola de línguas The English Centre completa, este ano, três décadas ao serviço da comunidade da Benedita. A “grande aposta das famílias no ensino” e a existência de “muitas empresas dedicadas à exportação” justificaram a aposta da empresa das Caldas da Rainha na freguesia.
“Fomos recebidos nesta terra de braços abertos”, garante Carlos Ribeiro, satisfeito com a decisão tomada em 1991. O sócio-gerente do The English Centre explica que o polo da Benedita “tem uma gestão própria”, mas “os mesmos parâmetros académicos e administrativos” de Caldas.
“Temos uma excelente relação com a Benedita, ao ponto de já termos famílias em que avós, pais e filhos foram nossos alunos”, sublinha o responsável.
De resto, o crescente interesse de alunos da Benedita, Turquel e Rio Maior no ensino de Inglês levou a empresa, em 2000, a adquirir instalações próprias na Rua Dr. Joaquim Augusto de Carvalho, com duas salas de ensino disponíveis. Mas há um “plano de expansão” em curso, que passa pela aquisição de mais um espaço e que avançará “assim que a situação epidemiológica estabilize”.
A ligação à comunidade da Benedita reflete-se também no estabelecimento de parcerias, tendo a escola assinado um protocolo com a junta no sentido de atribuir bolsas a alunos carenciados. “Já apoiámos cerca de quatro dezenas de alunos, muito interessados, e que, de outra maneira, não teriam acesso ao ensino de línguas”, refere Carlos Ribeiro.
Na Benedita, o ensino é visto “como uma prioridade” e os resultados “dão razão ao investimento das famílias”. “Temos várias histórias de sucesso, que nos enchem a alma, de ex-alunos nossos que conseguiram estudar em universidades estrangeiras também devido aos ensinamentos que receberam na nossa escola”, valoriza o empresário. ■