GNR liberta espécimes cinegéticos em cativeiro na Atouguia da Baleia

0
324

O Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Caldas da Rainha detetou e libertou, esta quinta-feira, quatro melros pretos que se encontravam presos em cativeiro, na Atouguia da Baleia.

Os melros foram detetados num viveiro junto ao logradouro de uma habitação. A espécie Turdus merula é considerada uma espécie cinegética. Por se encontrarem em bom estado de saúde e sem ferimentos, os animais foram libertados e restituídos ao habitat natural.

Foi elaborado um auto de contraordenação por detenção de espécimes cinegéticos em cativeiro, enviado para o Instituto de Conservação da Natureza e Florestas, punível com uma coima no valor máximo de 6.487€.