Empresas PME Líder 2020 batem recordes na região

0
216
notícias das Caldas

O Oeste tem 396 empresas com o selo de PME Líder 2020, segundo a lista divulgada na semana passada pelo IAPMEI. Trata-se de um número recorde para o Oeste, com um crescimento de 25,3% em relação ao ano passado, que já tinha sido o maior de sempre. Alcobaça continua a ser o concelho com mais empresas. Apenas Cadaval e Arruda dos Vinhos não subiram o número de empresas galardoadas.
A lista de PME Líder 2020 é construída com os dados do desempenho financeiro das empresas no exercício de 2019, pelo que este crescimento acentuado é mais um indicador que confirma o momento pujante que a economia da região vinha a vivenciar antes da pandemia.
Na lista deste ano há mais 80 empresas do Oeste do que na do ano passado. Um número ainda mais significativo considerando que nos cinco anos anteriores a região tinha ganho mais 35 PME Líder.

As PME Líder do Oeste aumentaram 25,3% este ano, mais do dobro do acumulado nos cinco anos anteriores, o que demonstra o dinamismo empresarial pré-pandemia na região

Todos os setores de atividade têm mais empresas na lista, mas a prevalência mantém-se idêntica. O setor com mais empresas é o comércio, que com 137 empresas representa mais um terço das PME Líder 2020 do Oeste. Foi, no entanto, o que teve menor crescimento (11,4%), pelo que perdeu margem na liderança dos setores de atividade. Todos os restantes viram o número de empresas crescer acima dos 25%. O segundo setor mais representativo é o da indústria transformadora, que subiu acima das 100 empresas.
Estes são os dois setores dominantes. Nenhum outro chega às 50 empresas. A construção e imobiliário continua a fechar este pódio com 46 empresas, continua a ter uma de vantagem sobre o turismo. O setor que mais cresceu em proporção foi o dos serviços (50%).

Alcobaça lidera
Ao nível dos concelhos, quase todos os da região reúnem um novo recorde de empresas PME Líder na lista deste ano.
Alcobaça (87) continua a ser o concelho com mais empresas na lista, renovando o estatuto que tinha recuperado no ano passado. Torres Vedras (80) reforçou o estatuto de segundo com mais empresas e encurtou a distância, que era de 16 empresas no ano passado.
A margem dos dois concelhos sobre o terceiro é ainda muito relevante. No terceiro lugar surge Caldas da Rainha (45), que descolou de Alenquer (43). Entre os concelhos com mais empresas, Caldas da Rainha foi o que mais cresceu em proporção (32,4%).
Os concelhos que mais viram aumentar o seu número de empresas PME Líder foram Sobral de Monte Agraço (75%) e Óbidos (66,7%).
Apenas dois concelhos não têm representação maior na lista PME 2020 do que na do ano passado. O Cadaval (10) tem o mesmo número de empresas, enquanto Arruda dos Vinhos (9) tem menos uma. São os menos representados.
Desta lista irão agora sair as PME Excelência 2020. ■