Profissões foram o mote para o XX Festival Internacional de Ginástica das Caldas da Rainha

0
554

O Festival Internacional de Ginástica das Caldas da Rainha, organização do Acrotramp Clube das Caldas, atingiu a vigésima edição e a comemoração fez-se com uma casa a rebentar pelas costuras para assistir a uma noite mágica e cheia de campeões.

Uma vez mais o Pavilhão Rainha D. Leonor foi pequeno para receber todos os que queriam assistir ao espectáculo. Os bilhetes voaram ainda antes da grande noite e mesmo com os lugares improvisados na galeria e mesmo no próprio recinto do pavilhão, não chegaram para as encomendas. E o público respondeu com interesse e entusiasmo, não arredou pé desde o desfile inaugural até à última actuação e o que se pode dizer é que o espectáculo valeu a pena durante o total das duas horas e quase meia de duração.

As apresentações começaram com as classes do Acrotramp, desde os mais pequeninos às classes de competição. Os atletas da casa realizaram coreografias relacionadas com profissões e as representadas foram Educadoras de Jardim Infantil, Futebolistas, Jornalistas, Médicos, Pintores, Cozinheiros, Mecânicos, sempre com o nível técnico em crescendo. A terminar vieram os Pescadores, numa apresentação de grande qualidade da classe de ginástica acrobática, e os Bombeiros, com direito a salvamento e tudo, pelos ginastas de competição do clube, outro momento alto da noite. Todos os alunos fizeram, como é hábito, as coreografias e exercícios de cama elástica, tumbling e duplo-mini trampolim, num espectáculo com muito ritmo e praticamente sem ‘tempos mortos’.