Intervenção na entrada norte já tem concurso lançado

0
400
Nova rotunda vai surgir junto à antiga Subtil

Investimento de 2,3 milhões vai reorganizar trânsito naquela zona da cidade

Foi no passado dia 6 de junho publicado em Diário da República o concurso público para a requalificação da entrada Norte das Caldas da Rainha, numa empreitada no valor de 2,3 milhões de euros para a reorganizar.
O projeto contempla a construção de uma rotunda na Estrada de Tornada, junto à antiga Subtil, e a ligação à rotunda junto ao Bairro dos Arneiros da Avenida Infante D. Henrique. Será ainda criado um novo perfilamento da via, com nova pavimentação, construção de novas infraestruturas básicas, ciclovia e passeios mais largos. Os trabalhos incluem a construção de um viaduto na passagem da linha férrea.
A intervenção visa reabilitar a entrada norte da cidade, retirar trânsito do centro da cidade com a ligação à futura circular externa à cidade, ao acesso número 19 da A8 e ainda à Foz do Arelho.
O início das obras está previsto para outubro e o prazo de execução é de 11 meses, a contar do seu início.
O Município das Caldas da Rainha adiantou também que no passado dia 29 de maior o presidente Vítor Marques teve uma audiência com o secretário de Estado da Administração Local e Ordenamento do Território, Hernâni Dias.
Na reunião foi abordado um conjunto de investimentos que o município está a preparar, com destaque para o novo edifício para os Serviços Municipalizados de Água e Saneamento (SMAS), para o qual está a ser negociado um contrato programa de desenvolvimento e cooperação técnica e financeira. Foi ainda discutida a concretização de novas infraestruturas e intervenções rodoviárias no âmbito da acessibilidade e da mobilidade no concelho, entre as quais a conclusão da Circular Sul com a ligação a São Cristóvão, a pavimentação, construção de taludes e instalação de mobiliário pedonal na EN360, a instalação de mobiliário pedonal na EN361 e a construção de passeios na EN114. Segundo o município, o conjunto de intervenções tem um valor global estimado de 41 milhões euros. ■