Caldas recebe marcha taurina contra o governo

0
245

O Grupo de Forcados Amadores das Caldas da Rainha (GFACR) promove, na sequência da convocação da Associação Nacional de Grupos de Forcados, a 27 de Junho, pelas 10h00, um encontro seguido de marcha taurina “para denunciar a perseguição política deste Governo à tauromaquia”.

A marcha taurina será realizada em simultâneo em todas as localidades e cidades do país onde existem Praças de Corridas de Touros “e em total respeito das recomendações da Direção-Geral de Saúde, sem palavras de ordem e de forma ordeira”, assegura o GFACR.

O grupo esclarece que a cidade das Caldas da Rainha “não podia deixar de aceitar o repto, considerando a sua identidade tauromáquica profundamente arreigada no sentir dos caldenses”. “Relembramos que a tradicional corrida do 15 de Agosto realiza-se de forma consecutiva há 138 anos nas Caldas da Rainha, pese embora o primeiro registo de uma corrida de toiros datar já do dia 15 de Agosto de 1504, então na Praça Velha, em frente ao Hospital Termal, que a Rainha D. Leonor mandou edificar”, relembram os forcados caldenses.

O encontro nas Caldas está agendado para as 10h00, junto à Praça de Touros, seguindo-se discursos e a marcha e entrega de uma carta ao Presidente da Câmara Municipal das Caldas da Rainha, juntamente com a lista de subscritores.