Festival de tricô atraiu milhares de visitantes

0
62
Em locais pré-determinados do parque, como junto ao Telheiro, houve vários momentos de “Tricotamos juntos”

Festival “À procura do Novelo” durou três dias e foi um verdadeiro chamariz ao Parque.

Entre os dias 9 e 11 de setembro, o Parque D. Carlos acolheu a quarta edição do Festival “À procura do Novelo”, evento que transformou as Caldas na capital dos lavores. A iniciativa atraiu não só gente da região como de todo o país e também de Espanha. Segundo Luís Sequeira, um dos responsáveis pela retrosaria Coolchetes, empresa caldense que organizou a iniciativa, a vinda de nuestros hermanos, esteve relacionada com a participação da Coolchetes numa feira do setor, em abril, em Sevilha.
“Tivemos mais de mil pessoas por dia a visitar o certame”, garantiu o organizador, acrescentando que “À procura do Novelo” é ainda o único festival do género na Europa que se realiza ao ar livre. “Houve gente que vinha participar só um dia e acabou por ficar três!”, revelou.
Os participantes chegaram do Algarve, Lisboa, Porto, Aveiro e de várias localidades do Alentejo que veio conhecer as propostas e as novidades de várias marcas desta área. Esta foi a quarta edição do festival que, pela primeira vez, passou a ter três dias de atividades.
No Espaço Telheiro havia uma zona de vendas e de expositores de marcas mas também de artesanato local.
A Casa dos Barcos recebeu iniciativas de formação. Segundo a organização, mais de uma centena de participantes aprendeu técnicas do tricô viking, de renda de frioleiras de macramé, amigurumi, de mitenes (luvas sem dedos), lérias, meias tricotadas, entre tantas outras propostas.
“À procura do Novelo” contou com a presença dos maiores designers de tricô do país, André de Castro e Filipa Carneiro (Nionoi). Além disso, várias marcas apresentaram novidades para a nova estação de outono/inverno e houve ainda uma demonstração de fiação e feltragem pelo Clube Tricot & Companhia do Fundão. “Foi possível perceber como se transforma a lã de ovelha em fio”, contou Luís Sequeira.
O evento, que teve como tem ao Circo, contou com música ao vivo com Vanessa Alexandra e ainda Paulo Seixas & João Frazão. Os dois espaços de street food – Hamburgueria Eusebio’s e Green Tukky Portugal- não tiveram mãos a medir face a tantos pedidos.
“Demos um bom contributo à economia local pois até a hotelaria esteve esgotada!”, referiu. O evento contou com o apoio da Câmara e da União de Freguesias de Caldas – Nossa Senhora do Pópulo, Coto e São Gregório.