Rainha apresenta peça no Largo da Copa

0
603
teatro da rainha

“Mandrágora” de Niccolò Machiavelli é a peça que está a ser representada no Largo da Copa, junto ao Hospital Termal pelo Teatro da Rainha. A peça estreou ontem, 13 de julho, e pode ser vista diariamente, às 21h30, até ao próximo sábado, dia 16.
Segundo nota de imprensa, a trama tem como ingredientes principais o adultério, paixões, corrupção, avidez, oportunismo desta comédia do autor de “O Príncipe” que apareceu pela primeira vez em 1518, na cidade de Florença, sob o título “Commedia di Callimaco e Lucrezia”, tendo obtido grande sucesso. Tanto que foi posteriormente representada em Veneza, Bolonha, Roma, na corte do papa, conhecendo várias reimpressões. Mais conhecido pela produção no domínio da filosofia política, “o teatro reabilitou-o socialmente junto dos seus contemporâneos”, explica a mesma nota. A peça trata das paixões de Calímaco por Lucrécia, de Frei Timóteo pelas esmolas e de Ligúrio pelos estratagemas, “num exercício de denúncia da hipocrisia, onde o florentino pretendeu desmascarar as aparências, a virtude proclamada, os bons sentimentos e as ideias generosas”. As interpretações são de Isabel Lopes, Cibele Maçãs, Fábio Costa, Fernando Mora Ramos, José Carlos Faria, João Melo, Nuno Machado e Ricardo Soares. A música foi recriada por Tiago da Neta a partir das composições originais de Philippe Verdelot e será interpretada por um coro composto por Marta Taveira, Raniele Barbosa, Tânia Costa, Diogo Tomaz, Diogo Marques, Victor Duarte e Fernando Rodrigues. A peça, que conta com mais de uma dezena de atores em palco, tem encenação de Fernando Mora Ramos, cenografia de José Serrão e figurinos de José Carlos Faria. Este grupo de teatro há cinco anos que faz peças ao ar livre no verão na cidade. ■