João Almeida “falhou” mundial de contrarrelógio por questões de saúde

0
65

O caldense João Almeida ficou, na madrugada deste domingo, fora da prova de contrarrelógio dos Campeonatos Mundiais de Estrada, que estão a decorrer em Wollongong, na Austrália, até 25 de setembro.

João Almeida foi um dos três corredores que não alinharam à partida para a prova, por motivos de saúde. Segundo informou a Federação Portuguesa de Ciclismo, o caldense apresentou problemas gastrointestinais e febre à chegada à Austrália, tendo sido decidido pelo médico da seleção, Filipe Lima Quintas, em conjunto com o corredor e o selecionador nacional, que seria mais prudente a ausência do ciclista do contrarrelógio “para que possa apresentar-se na melhor condição na prova de fundo do próximo domingo”.

A prova teve como vencedor o norueguês Tobias Foss, que percorreu os 34 quilómetros de prova em 40m02s, batendo o suíço Stefan Küng por 3 segundos e o belga Remco Evenepoel, recente vencedor da Volta à Espanha, por 9 segundos.

Nelson Oliveira, que acabou por ser o único português em prova, foi 8º, a 59 segundos do vencedor.

Na madrugada de terça-feira, é a vez de António Morgado tentar a sorte no contrarrelógio de juniores, espcialidade na qual é campeão nacional.