Juvenis A do Caldas de viagem à Madeira

0
385

Dia 9 de Junho e os Juvenis A do Caldas embarcam acompanhados por alguns familiares com destino ao Funchal, para passear e participar em dois encontros de futebol com a equipa do C.D. Barreirense e do Club Sport Marítimo.

Um evento que começou a ser preparado em Setembro, envolvendo todos os atletas, treinadores, massagista, e directores, em 10 meses de intenso trabalho, porque a deslocação envolvia alguns milhares de euros, num período de crise financeira, que era uma preocupação para todos, incluindo as entidades a quem foram solicitados apoios. Mas a coesão de um grupo já com dois anos de convivência e constituido por pessoas com um grande espírito de ajuda, sacrifício, solidariedade, optimismo e amizade permitiu que a viagem fosse possível e o próprio Marítimo abraçou esta iniciativa e deu-nos uma grande confiança para não a deixar cair.

Desde o primeiro contacto que obtivemos na ilha, que nos surgiu um coordenador do futebol de formação do Marítimo, Sr. Pedro Araújo, que se entusiasmou e envolveu tanto como nós para atingir este objectivo, apesar do trágico dia 20 de Fevereiro.

Para tornar a jornada possível foram realizados muitos eventos, jantares com os familiares dos atletas, dos treinadores, dos directores, rifas que foram na sua grande maioria adquiridas pelos familiares, donativos angariados a empresas e empresários, peditórios nos jogos em casa com prémios oferecidos pelos directores, para serem sorteados, etc.

São 11h00 da manhã, do dia 10 de Junho, vai ter início o nosso primeiro jogo entre as equipas do C.D. Barreirense e o Caldas, que terminou empatado a dois golos, com vantagem para os caldenses no desempate por grandes penalidades.

Após o Jogo seguiu-se o almoço e depois fomos a pé até ao Funchal, tranquilamente apreciando a paisagem e contemplando as habitações que resistiram ao temporal e ás que não resistiram, por razões que são fáceis de perceber.

Uma hora a descer e foi suficiente para recompor algumas calorias, para continuar a visita aos locais de interesses variados e ao sabor individual, mas sempre comungando do mesmo objectivo, que era ver o que fosse possível até á hora do jantar.

Dia 11 de Junho, 6ª feira e terceiro dia de estadia, início do nosso passeio, por Machico, Portela, onde foi possível visitar as estufas de trutas, Santana onde se encontrava um interessante parque temático da Madeira muito interessante e agradável, que nos ocupou cerca de três horas até seguirmos para o almoço.

Seguimos depois para Ribeiro Frio, Pico do Areeiro, Poiso e Camacha, onde encontramos um painel com a seguinte inscrição: Aqui se jogou futebol pela primeira vez em Portugal 1875

Dia 12 de Junho, sábado quarto e último dia da nossa excelente estadia na Madeira.

Fizeram-se as trocas das lembranças entre os responsáveis do Caldas Sport Clube e o Marítimo, durante o intervalo do jogo que terminou com a vitória dos insulares por 3-0.

Os Directores: José Madruga, Carlos Vasques, Júlio Santos, Vitor Coito

Mais informações na Gazeta das Caldas impressa