João Hermenegildo é candidato do Chega no Bombarral

0
281
A apresentação das listas no Bombarral ocorreu no passado sábado

Partido de André Ventura enfrenta desafio eleitoral “sem medo”, por acreditar no potencial dos candidatos

João Hermenegildo foi apresentado oficialmente, no passado sábado, como cabeça de lista do Chega à Câmara Municipal do Bombarral. O partido, que concorre pela primeira vez em autárquicas, promoveu uma sessão pública para dar a conhecer os restantes candidatos. O antigo autarca e militante do PSD, engenheiro civil com 56 anos, surge a liderar uma candidatura que personifica “uma alternativa que vai à raiz dos problemas” do concelho.
Em relação às propostas eleitorais, prometeu reduzir impostos e taxas municipais para metade, que, garante, “representam uma redução da receita de apenas 150 mil euros”.
Os “projetos ambiciosos” estão gizados para a indústria, turismo e agricultura, prometendo uma nova zona industrial junto ao nó Bombarral Norte/A8, a par da alteração do Plano Diretor Municipal, “que está a ser revisto à pressa” pelo atual executivo do PS.
Propõe, ainda, o Centro de Investigação de Bacelos no Pó, a eletrificação da Mata Municipal, a recuperação de azenhas no Vale do Roto e do Parque de Campismo do Picoto e a criação de uma praia fluvial no rio Real, na vila, a proposta mais surpreendente de todas. Para proteger a economia local, promete incentivos e “uma regra de proporcionalidade” que, na prática, “só virão mais chineses para o Bombarral, depois de criada a área equivalente do comércio tradicional”.
Encabeça a lista à Assembleia Municipal pelo Chega a professora Rute Oliveira, que se estreia na política.
O partido apresenta-se, ainda, às freguesias (com exceção do Pó) com os seguintes candidatos: Orlando Pereira (União de Freguesias de Bombarral e Vale Covo), Miguel Castelo (Carvalhal) e Diogo Pereira (Roliça). ■