Caldense construiu bicicleta em madeira

0
1081
Gazeta das Caldas

HPIM1631Um marceneiro caldense, de 37 anos, pôs as mãos à obra e concretizou um sonho antigo: construir o quadro de uma bicicleta em madeira. A Rufito Tronco, de Rui Tomé, é o trabalho final de dois anos de pesquisa e de concretização.
Rui Tomé é de Santa Susana (Landal) trabalha como marceneiro e restaurador de mobiliário, peças de arte e réplicas. Tem também uma grande paixão pelas bicicletas, pois desde a adolescência começou a fazer BTT e tem participado em várias provas. Gosta também de percorrer grandes distâncias em bicicleta e organizar eventos ligados ao ciclismo.
“Desde sempre acompanhei a evolução dos materiais e componentes das bicicletas, porque estava muito interessado pelo funcionamento da mecânica”, contou à Gazeta das Caldas.
Depois de ter criado quadros de bicicletas para si em diversos materiais (das ligas de alumínio a titânio), decidiu utilizar o material nobre com que mexe diariamente por ser marceneiro.
“Comecei por fazer os projectos e moldes em cartão, que reciclei a partir de embalagens”, explicou. Depois disso passou à escolha das variedades de madeiras, tendo escolhido o freixo e a acácia espinhosa por serem mais resistentes.
O trabalho foi todo feito à mão, “com muita calma e paciência”, até ao produto final. “O espigão de selim é integrado, a caixa de direcção e o centro pedaleiro são ‘press fi’, apto para rodas 27.5”, especificou Rui Tomé.
Depois de construída, Rui Tomé testou a sua nova bicicleta em vários pisos e até em saltos. “Aguentou sempre perfeitamente”, garante. No fim-de-semana passado, 21 e 22 de Março, esteve exposta na Feira das Velharias da Expoeste.
O criador tem já em mente um novo projecto: uma bicicleta urbana com quadro e forqueta em madeira maciça, uma vez que o modelo Tronco é só apropriado para o BTT. O contacto com Rui Tomé, que tem oficina em Santa Susana, pode ser feito através do número 918934920.