Câmara demora dois anos para resolver o caos do estacionamento junto à PSP

0
1615
Gazeta das Caldas
Um ano depois a Câmara ainda não resolveu o estacionamento caótico nas barbas da PSP (Foto de arquivo)

A Câmara das Caldas precisa de dois anos para resolver o problema do estacionamento anárquico junto à esquadra da PSP, que só deverá estar resolvido no segundo semestre do próximo ano.
Em Outubro do ano passado a Gazeta das Caldas noticiou a situação que se vive naquele terreno que serve de estacionamento. Ali, como não há sinalização que delimite os lugares ou indique o sentido de trânsito, a polícia, apesar de estar mesmo ao lado, não pode intervir. Quer isto dizer que ali as únicas leis que imperam são a da selva ou a do bom senso.

À data (Outubro de 2016) a Câmara disse que estava a preparar um projecto para alcatroar o terreno, marcar 280 lugares de estacionamento no chão e colocar sinalização.
A empreitada custaria cerca de 70 mil euros e previa ainda nove lugares para pessoas portadoras de deficiência e cinco para autocarros.
Questionado pela Gazeta das Caldas acerca dos avanços no projecto, Tinta Ferreira, presidente da Câmara, esclareceu que actualmente está a ser concluído o levantamento topográfico para depois avançar com o projecto.
O autarca disse que o município tem “a expectativa de abrir concurso em Maio” do próximo ano e fazer a obra ainda em 2018.