Karaté: Caldenses participaram no Europeu nos Países Baixos

0
53
Afonso Menezes e Fernando Fidalgo no recinto da prova

Afonso Menezes perdeu acesso à final four com o novo campeão europeu

Três caldenses, do Clube de Karaté Shotokan de Caldas da Rainha, participaram no Campeonato da Europa de SKIEF, nos Países Baixos, com destaque para o jovem Afonso Menezes, que competiu pela primeira vez num Europeu e participou na categoria dos 16 e 17 anos, passou três eliminatórias e perdeu o acesso à “final four” para o jovem que viria a conquistar o título europeu.
A comitiva portuguesa trouxe o mesmo número de medalhas do Europeu de 2017, mas com mais segundos lugares. “Penso que estamos em franco progresso”, referiu o mestre Fernando Fidalgo, notando que houve um aumento da comitiva e uma novidade com a participação de atletas dos 12 aos 14 anos.
“Houve uma equipa de kata masculinos que ficou em primeiro lugar, assim como nas femininas de 14 e 15 anos”, explicou, notando que no Grand Championship houve um segundo lugar feminino e um masculino, entre outros.
A comitiva portuguesa conquistou ainda o 1º lugar na equipa sénior feminina. Os quatro árbitros portugueses (entre os quais os caldenses Fernando Fidalgo e Vitalii Ovsiannikov), mostraram-se em bom plano, participando em várias finais. A comitiva nacional foi a quinta melhor da Europa, atrás de Dinamarca, Hungria, Itália e Roménia, todas elas com comitivas compostas por mais atletas.
Em termos de grandes provas internacionais, segue-se mundial, em 2024, provavelmente no Japão e novo campeonato europeu, em 2025. Mas para já, um mês de paragem para férias no clube, antes de início de nova época, em setembro. Ainda assim, a angariação de fundos para a sede continua, estando a ser feitos os projetos de engenharia. “Vamos estar na Expotur com um stand expositor com esse objetivo”, contou, salientando a importância da existência de condições de treino. “Esperamos arrancar com a obra em 2023”. ■