Caldas e Óbidos na rota do primeiro carro voador nacional

0
633
O pequeno modelo à escala testado na passada sexta-feira

Tekever, Almadesign e Politécnico de Leiria integram consórcio que está a projetar veículo autónomo modular

No passado dia 29 de setembro as instalações da Tekever em Ponte de Sor foram palco de um momento histórico para a tecnologia portuguesa, depois de um primeiro teste bem-sucedido de um modelo à escala do projeto Fly.PT. Este é um carro voador de produção portuguesa, que promete revolucionar a mobilidade. O projeto tem assinatura do Oeste, nomeadamente através do trabalho das empresas Tekever e Almadesign, que integram o consórcio do qual faz ainda parte o Politécnico de Leiria.
“O surgimento dos “carros voadores” promete um avanço revolucionário no transporte, desbloqueando oportunidades ilimitadas para a mobilidade e inaugurando uma era repleta de possibilidades empolgantes. Estamos entusiasmados em anunciar a bem-sucedida demonstração do projeto FLY.PT – um protótipo em escala reduzida de um sistema de transporte aéreo pessoal que capacitou a indústria para o futuro da mobilidade urbana”, anunciou a Tekever nas suas redes sociais.
O Fly.PT é o projeto de um sistema modular de transporte individual. O módulo é composto por um drone, que permite ao veículo realizar viagens aéreas, um veículo terrestre autónomo, que lhe permite circular nas estradas, e uma cabine que pode ser acoplada a qualquer um desses veículos, ou a ambos ao mesmo tempo.
Quer o módulo drone, quer o sistema patim de transporte terrestre podem ser conduzidos de forma autónoma e com ou sem o módulo cabine acoplado, o que faz deste um veículo ideal para sistemas de transporte urbano partilhado.
A apresentação decorreu no polo industrial da Tekever, empresa especializada na produção e operação de drones, cujo desenvolvimento tecnológico é realizado nas instalações das Caldas da Rainha. O consórcio, que é composto por 17 entidades, tem ainda a Almadesign, uma empresa que tem escritórios no Parque Tecnológico de Óbidos e que é conceituada na área do design na área dos transportes, incluindo aviões, autocarros e automóveis.
O projeto Fly.PT, que é liderado pela Tekever UAS, tem o apoio do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, com dotação de 8,1 milhões de euros, e conta ainda com a intervenção do Politécnico de Leiria. ■