A Comunidade Intermunicipal do Oeste (OesteCIM) e a Agência para a Modernização Administrativa (AMA) assinaram, esta quinta-feira, o protocolo de colaboração para o acompanhamento da criação do Laboratório de Experimentação Intermunicipal, designado por Cartão Digital do Munícipe do Oeste.

Este projeto experimental, que se prevê durar até 9 meses, tem por objetivo “apreender mudanças em curso e antecipar e promover de maneira controlada o desenvolvimento de um melhor serviço público”, salienta a OesteCIM, em comunicado.

A entidade vai testar propostas de solução em contexto “de maneira a monitorizar o desempenho e resultados, mas também a devolver e a demonstrar aos cidadãos e às empresas dos concelhos que existe o compromisso com uma abordagem experimental de cariz participativo”.

O projeto irá possibilitar à Comunidade Intermunicipal do Oeste “responder aos desafios de forma suportada, com base, não só no conhecimento da realidade e em dados empíricos, como também em atividades colaborativas entre os parceiros envolvidos e no teste às propostas, garantindo o desenvolvimento de um serviço público mais eficiente, eficaz e respeitado pelo cidadão”.