Premiado projecto de voluntariado que recuperou casas em Óbidos

0
739
FotoTelhado
Cerca de meia centena de jovens recuperou cinco casas de famílias carenciadas do concelho de Óbidos durante o mês de Agosto | D.R.

A associação Just a Change, existente desde 2010 e que tem como objectivo reabilitar o lar de pessoas carenciadas e mudar a vida de quem nele habita, ganhou o primeiro prémio de voluntariado universitário, recebendo cinco mil euros do Santander Totta. Esta distinção tem por objectivo incentivar a prática de uma cidadania activa através do voluntariado e recompensar o esforço dos jovens mais envolvidos.

A associação Just a Change, composta por jovens alunos do Instituto Superior Técnico e Faculdade de Arquitectura da Universidade de Lisboa, possui 300 voluntários e já beneficiou directamente 90 pessoas.
Este ano desenvolveram acções em Lisboa e em zonas rurais em Ferreira do Zézere, Sever do Vouga e Óbidos. Neste último concelho estiveram  cerca de meia centena de jovens, entre 15 e 25 de Agosto, para recuperar cinco casas degradadas em A-dos-Negros, Usseira, A-da-Gorda, Sobral da Lagoa e Vau. Colocaram novos telhados, fizeram divisões e pinturas, tornando melhor a vida dos munícipes mais desfavorecidos.
Na altura, o director da associação, António Bello, disse à Gazeta das Caldas que o cenário que encontraram no concelho de Óbidos não é muito diferente do que têm encontrado em Lisboa, onde têm trabalhado. “Encontramos sempre casas de pessoas muito desanimadas e quando olhamos para elas ganhamos um entusiasmo grande sobre o que pode ser ali feito”, referiu, destacando o impacto que a intervenção tem nos beneficiados, que também ajudaram nas obras.
Já o presidente da Câmara, Humberto Marques, disse que as intervenções que os jovens realizaram com um apoio da Câmara de 10 mil euros (para aquisição do material), numa situação normal ascenderiam a cerca de 100 mil euros. Vários parceiros, desde IPSS, associações e juntas de freguesias, garantiram o alojamento e alimentação dos voluntários.
Na altura os responsáveis da Câmara e associação Just a Change salientaram ainda que estão também empenhadas em dar continuidade ao projecto em Óbidos. Segundo o Banco Santander Totta, concorreram ao prémio 56 projectos, nas áreas de Educação/Formação, Inclusão Social, Sensibilização e Promoção do voluntariado e saúde, tendo sido seleccionados 10.