Sporting das Caldas faz parte de projeto europeu de Erasmus

0
91
Os participantes trabalharam na sede da União de Freguesias de Caldas - Nossa Senhora do Pópulo, Coto e São Gregório

Construir a capacidade dos clubes para recuperarem é o nome do projeto europeu, que levará os participantes a apresentarem projetos em parceria.

O Sporting Clube das Caldas é um dos participantes do projeto europeu “Building capacity of sport clubs for recovery”. Trata-se de uma partilha de experiências entre vários clubes a nível europeu e também uma formação na preparação de candidaturas a projetos europeus Erasmus+ na área do Desporto.
Nesta ação, que foi promovida pela Borkinson Consultancy, da Croácia (líder do projeto), participam o Kajak Kanu Klub Mladost, também da Croácia, o Rvacki Klub Senta, da Sérvia (que participou via online), o Eszak-dunantuli Roplabda Akademia Nonprofit Kft., da Hungria, e o Sporting Clube das Caldas. Todos estes parceiros europeus são clubes desportivos com objetivos e desafios semelhantes, que, assim, partilham os conhecimentos de cada um e criam uma rede.
O projeto decorreu nos dias 18 e 19 de novembro, na cidade das Caldas da Rainha, onde os dez participantes tiveram acesso a um tour guiado e a um jantar no Centro Cultural e de Congressos.
O projeto inclui quatro momentos, sendo este o lançamento. Seguem-se, já durante o próximo ano, as outras fases, a decorrerem nos restantes países que participam na iniciativa (Hungria, Croácia e Sérvia).
Nenad Borkovic, da Borkinson Consultancy, era um dos formadores e à Gazeta das Caldas salientou o entusiasmo dos participantes, mas também a motivação que encontrou nos representantes dos clubes. “O conteúdo da formação é muito pragmático e assim conseguimos obter resultados concretos”, afirmou o responsável. Segundo Nenad Borkovic, desta primeira fase do projeto já “surgiram várias ideias, baseadas nos problemas e nas experiências dos participantes”.
Já o outro formador na sessão que decorreu na sede da União de Freguesias de Caldas – Nossa Senhora do Pópulo, Coto e São Gregório, Ivan Kermeci, salientou a receção em Portugal, onde visitaram vários locais emblemáticos. “Tenho de elogiar a forma como fomos recebidos, as pessoas são muito simpáticas”, disse o dirigente, que tem por metas “formar e educar, mas também fornecer uma metodologia”. “Mas queremos ir mais além e gostávamos que no final todos conseguissem apresentar um projeto”, explicou o formador.
Por sua vez, Filipe Mateus, do Sp. Caldas, explicou que, além das parcerias e da rede já criada com este projeto, após a primeira formação já surgiram vários projetos, que serão aprofundados nas fases seguintes.

Marcação da AG
Entretanto, o Sp. Caldas já tem a assembleia geral eleitoral marcada: será a 2 de dezembro, a partir das 21h30, no Pavilhão Raul Jardim Graça. Há dois pontos na ordem do dia: além das eleições para o biénio 2023/24, será feita a apresentação das contas.