PSD ganha Assembleia Municipal no Bombarral

0
120

Margarida Marques perde ato eleitoral para o jovem Élio Leal e o Chega perdeu o único eleito no órgão

O PSD ganhou ao PS a presidência da Assembleia Municipal do Bombarral. Os socialistas, apesar de terem sido a força política mais votada nas autárquicas, ficou desta vez com maioria relativa. Deste modo, o jovem maestro Élio Leal venceu a eurodeputada Margarida Marques na eleição da mesa da Assembleia Municipal e faz regressar aos social-democratas a liderança deste órgão autárquico, perdida no mandato anterior.
Contudo, o triunfo dos social-democratas só aconteceu à segunda votação na sessão de instalação realizada no Teatro Eduardo Brazão, no passado dia 15.
A primeira resultou num empate a 12 votos. Tanto o PS como o PSD têm 12 eleitos (9 deputados e 2 presidentes de junta), sendo os restantes três do CDS, CDU e Chega. Na segunda votação, o candidato do PSD ganhou por três votos ao PS, que, nas eleições autárquicas, tinha perdido dois eleitos relativamente a 2007 e deixou fugir, desse modo, a maioria absoluta.
O presidente cessante da Assembleia Municipal Jorge Martins deixou o alerta de que o resultado das eleições “confere a todos, sem exceção, uma maior responsabilidade e uma necessidade de consenso alargado que, se não for obtido, só implicará uma perda para o Bombarral”.
Mas, ainda antes de entrar em funcionamento, a Assembleia Municipal já tem uma querela política. O Chega retirou a confiança política à única deputada eleita, Rute Oliveira, que se desvinculou do partido de André Ventura em rutura com o líder concelhio João Hermenegildo. Este, por seu lado, revelou que os órgãos nacional e concelhio do Chega “decidiram por unanimidade retirar a confiança política” à deputada por “falta de lealdade política, comportamento indisciplinado e má-fé que colocou na sua relação com o partido”.
No executivo camarário, que também tomou posse, o PS continua a liderar em maioria, com a presidência de Ricardo Fernandes. Aos quatro eleitos socialistas, juntam-se na oposição os três vereadores do PSD. ■