Técnicas de controlo e gestão do stress profissional

0
1062
notícias das Caldas

O síndrome de burnout ocorre quando há um estado de exaustão física, emocional ou mental devido ao excesso de stress no local de trabalho, sendo muito comum em profissionais que têm que lidar com a pressão ou a responsabilidade.
A vida profissional é um dos principais fatores na estabilidade e bem-estar físico, social e mental do homem. Para que seja positivo, é necessário que o trabalhador se sinta seguro, independente, autónomo, com possibilidade de desenvolvimento das suas capacidades, disponha de um salário gratificante, suporte emocional e colaboração com colegas.

Para evitar que o stress seja nocivo para a sua saúde, existem diversas táticas de autoprotecção:

  1. Não se expor ao stress: Para conservar a sua saúde, não deve dizer sim a tudo o que lhe pedem, deve delegar tarefas e aproveitar os tempos livres para se abstrair do trabalho e realizar tarefas que lhe dêem satisfação pessoal – não levar o trabalho para casa!
  2. Aprender a resolver os problemas: a resolução do problema vai eliminar ou modificar a fonte original do seu stress.
  3. Pensar com lógica: não criar expectativas sem fundamentos para não se desiludir, ser realista.
  4. Melhorar a sua auto-estima: O profissional necessita de “trabalhar em si” aceitando, compreendendo e perdoando a si mesmo.
  5. Modificar comportamentos: perceber o que o estar a stressar e alterar o seu comportamento, saber gerir.

Se não estiver a lidar devidamente com esta situação, se os sintomas começam a surgir e não encontra luz ao fundo do túnel, consulte um Psicólogo.